Ceclin
Maio 17, 2021 0 Comentário


Zé Vicente, ex-prefeito de Pombos, falece aos 86 anos

Faleceu na manhã desta segunda-feira (17.05) o ex-prefeito de Pombos, José Vicente Dias Filho, gestor do Município por duas vezes. Zé Vicente era considerado um dos prefeitos mais atuantes da história política-administrativa de Pombos, cidade distante 64 km do Recife, no Agreste pernambucano.

José Vicente Dias Filho nasceu no Município de Palmares, no dia 03 de setembro de 1934. Era casado com Marlene Lins Dias, com quem teve quatro filhos: Josuel, Josias, Joselene e José Vicente Dias Júnior. Antes de entrar para política, era funcionário da área da Saúde na Usina Nossa Senhora do Carmo, atuando como Enfermeiro. Destacando-se no meio político como um grande orador popular. Foi eleito prefeito de Pombos no pleito de 15 de novembro de 1972 até 30 de janeiro de 1977. Seu segundo mandato foi em 15 de novembro de 1982 até 30 de janeiro de 1989. Deixou seu marco como prefeito, construindo e reformando diversos prédios públicos municipais, dentre eles: reforma do Mercado Público, praças, grupos escolares na zona rural, implantação da barragem do Banho da Negra, construção do Clube Municipal. Criou na sua gestão, em meados do ano de 1985, a maior festividade do Município, a tradicional Festa do Abacaxi.

O atual Prefeito de Pombos, Dr. Marcos Ferreira (PSB), lamentou o falecimento do ex-gestor. “Zé Vicente exerceu por dois mandatos a chefia do executivo municipal, com relevantes serviços prestados a população de Pombos, mesmo em tempos difíceis na política brasileira no final dos anos 80, seu José, foi um importante interlocutor dos prefeitos do Nordeste na luta por recursos numa época onde vivíamos a transição da ditadura militar e a redemocratização, ao mesmo tempo, defensor do povo de Pombos na luta pelo progresso e infraestrutura de nossa cidade para torna-se o que hoje ela é, deixando assim, seu nome para sempre na história de Pombos. Nossa solidariedade aos familiares, amigos e todos os munícipes de nossa cidade. Descanso eterno dá-lhe Senhor!”, concluiu a nota. 

O velório e sepultamento do ex-prefeito será restrito aos familiares, devido sua morte ter sido em decorrência das complicações causadas pela COVID-19, pelo qual foi acometido. Segundo informações de pessoas próximas à família dele, o  corpo seguirá direto para o Cemitério Municipal, onde será sepultado nos padrões de distanciamento social e sanitário.