Ceclin
ago 30, 2016 0 Comentário


Votação para julgamento das contas do prefeito de Glória do Goitá fica para setembro

Glória-1

Uma manobra regimental do presidente da Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara de Vereadores de Glória do Goitá, Luiz Alves Dias (PTN), fez com que a votação para o julgamento das contas do prefeito Zenilto Miranda (PTB), exercício de 2007, fosse adiada mais uma vez, agora para o próximo dia 5 de setembro.

A oposição formada pelos vereadores Luiza Nery, Evandro Teodoro, José Jorge ambos do PSB, Cícero Emiliano e José Queiroz ambos do PSL, apresentaram um requerimento que será analisado pela Mesa Diretora da Câmara.

O vereador Luiz Alves Dias, que é um aliado do prefeito Zenilto Miranda, faltou a reunião juntamente com o vereador Jadilson Caetano (PDT) realizada na noite da segunda-feira (29). O plenário da Câmara ficou lotado por populares em busca de resposta à sessão. O prefeito de Glória do Goitá disputa a reeleição e tem sete contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE). No final da sessão houve vaias e gritos dos moradores contra os vereadores aliados do prefeito.

Voz do Planalto