Ceclin
maio 21, 2010 2 Comentários


Vitória de Santo Antão registra calor recorde

Algumas cidades pernambucanas têm registrado até 4,4° acima da média histórica das altas temperaturas. O calor excessivo vem sendo sentido nos primeiros 15 dias de maio, com destaue para os municípios de São José do Egito, Caruaru, Vertentes e Vitória de Santo Antão lideram a lista.
No Recife, a temperatura máxima já chegou a 3,2° superior à média climatológica, que é de 28,7º para a quinzena.

Os dados foram divulgados pelo Laboratório de Meteorologia de Pernambuco (Lamepe/Itep). Segundo a coordenadora do órgão, Francis Lacerda, o pico de calor na capital pernambucana chegou a 33,5° no último dia 8 do mês atual. Em São José do Egito, os dias 10, 11 e 14 foram os mais quentes do período, com 34,2°. Em Caruarú, a maior temperatura foi de 33º nos dias 3 e 14.

O fenômeno El Niño foi o principal responsável pela elevação da temperatura, fazendo de abril deste ano, o abril mais quente da história mundial, conforme revelou a Agência Americana para os Oceanos e Atmosfera.

No entanto, na primeira quinzena de maio, as temperaturas máximas registradas em várias cidades do estado já demonstram patamares superiores as do mês passado. Em abril, a média da anomalia positiva em Recife e Caruaru foi de 2,8º e 3,4º acima da média respectivamente, enquanto que na primeira quinzena de maio já é de 3,2 e 4,1º. Sertânia, São Bento do Una, Palmares, Barreiros e Afrânio são outros municípios que apresentam comportamento semelhante.

Os valores máximos das temperaturas mínimas dos primeiros quinze dias de maio também têm se apresentado superior ao mês de abril. O destaque fica para o município de Carpina que registrou anomalia positiva de 4,4º acima da média histórica, que é de 20,7º para o período.

Nos dias 13 e 14, entre duas e três da madrugada, a temperatura chegou a 26º. Recife, Caruaru e Vitória de São Antão também apresentam temperaturas mínimas elevadas.
(Diário de Pernambuco).