• Ceclin
dez 24, 2010 3 Comentários


VAPT VUPT!

Não se sabe se é por falta de paciência ou por não querer tomar posições no Plenário da Casa Diogo de Braga, o fato é que o vereador José Aglaílson (PSB) não assiste completamente as Sessões da Câmara de Vereadores da Vitória de Santo Antão.

Depois que retornou ao mandato para disputar e ganhar a Presidência da Casa, José Aglaílson não tem acompanhado as votações dos projetos enviados para a apreciação da Câmara. Desde outubro, quando ocorreu a Eleição da Mesa Diretora (confira AQUI), o parlamentar tem tido passagens rápidas nas sessões.
Desde então, de todas as sessões ele tem estado ausente, quando aparece é vapt vupt!
Usa a tribuna e se retira. É público e notório. Os seus colegas vereadores nem ligam mais.

Na última sessão do ano, segunda (20), ele chegou atrasado e usou um aparte de um colega, aproveitou para reclamar do prefeito Elias Lira (DEM), por ter autorizado a construção de postos de gasolina nos terrenos do Parque Industrial da cidade.

Aglaílson acusou o prefeito de não querer fazer o Restaurante Popular, afirmando que o dinheiro está na Caixa Econômica (conheça o caso AQUI). Contudo, esqueceu de mencionar que ele passou quatro anos com o dinheiro e não fez.
Além de denunciar que a prefeitura fez o leilão, segundo ele indevidamente, de duas máquinas modernas estilo caterpillar. E como já é de praxe, se retirou e não voltou mais.

Será que ele vai ter paciência de ser, de fato, o presidente da Câmara?


por Lissandro Nascimento.