• Ceclin
nov 27, 2008 0 Comentário


UJS conquista importante espaço de discussão

A União da Juventude Socialista (UJS) em Pernambuco conquistou mais um importante espaço de discussão sobre os problemas da Região Metropolitana do Recife. Desta vez, os estudantes conseguiram eleger Tiago Oliveira, presidente da UMES, como membro do Conselho Superior de Transporte Metropolitano (CSTM). Logo de cara, foi colocada na pauta de debates do Conselho a questão do passe-livre integral para estudantes das redes pública e privada.

A UJS mostrou sua força e se fez presente na I Conferência Metropolitana de Transportes, realizada pelo Grande Recife Consórcio de Transportes. O encontro, que aconteceu entre os dias 21 e 23 de novembro, no Colégio Vera Cruz, escolheu os representantes da sociedade civil que farão parte do CSTM.

O Conselho é composto por 19 membros, sendo dois usuários comuns, um da gratuidade e um dos estudantes. As outras 15 cadeiras serão ocupadas por representantes de empresas, prefeituras, sindicatos dos trabalhadores em transportes públicos e o próprio Grande Recife Consórcio de Transportes.

A eleição foi setorizada, ou seja, pessoas que têm o direito da gratuidade nos ônibus votaram num representante da gratuidade. Assim como os estudantes votaram em um representante deles. Tiago Oliveira foi eleito pelos discentes que participaram da Conferência e, agora, vai poder levar para o Conselho os anseios e as opiniões dos jovens sobre o transporte público no Recife.

“Tiago é presidente da UMES (União Metropolitana dos Estudantes Secundaristas). Representa e conhece muito bem as dificuldades dos estudantes quando o assunto é transporte público. Ele já esteve presente, por exemplo, em várias manifestações públicas contra o aumento das passagens”, revelou a presidente da UJS/PE, Silvana Paula.

O pagamento da passagem é um grande dilema para os estudantes. Os últimos aumentos têm sido bastante abusivos e quem sempre sofre com isso são os usuários. Especialmente os estudantes que, além dos gastos diários com educação, têm de pagar passagens caríssimas. “Por isso, nós propusemos o passe-livre integral para estudantes das redes pública e privada”, acrescentou a presidente da UJS/PE.

Antes da I Conferência Metropolitana, o Grande Recife organizou pré-conferências em 14 municípios da RMR. Estes encontros tiveram uma grande participação popular e deles saíram os 206 delegados que participaram da Conferência nesse final de semana. A participação de usuários de transporte coletivo no Conselho Superior de Transporte Metropolitano obedece a Lei Estadual nº 13.245, de 2007.

Do Recife,
Daniel Vilarouca