Ceclin
dez 23, 2020 0 Comentário


TSE determina diplomação do prefeito e vice eleitos em Palmares

O Cartório Eleitoral de Palmares, na Mata Sul pernambucana, realizará a diplomação do prefeito e vice eleitos Júnior de Beto (PP) e Luciano Júnior (PROS), no dia 28 de dezembro na sede do Cartório local, às 9h.

A eleição em Palmares estava sub-judice, mas o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) acatou dois recursos especiais favoráveis ao prefeiturável de Palmares, Júnior de Beto, de 42 anos. A decisão monocrática foi proferida pelo ministro Luis Felipe Salomão, que julgou improcedente a impugnação da candidatura de ambos.

O ministro considerou que os fatos alegados pela coligação União Popular pelo Trabalho, Progresso e Paz de Altair Júnior (MDB), acerca de falhas no Demonstrativo de Regularidade de Atos Partidários (DRAP) da chapa vencedora nas eleições não eram suficientes para impedir que Júnior de Beto assuma a Prefeitura. “Cuida-se, ademais, de mero vício formal que, de uma forma ou de outra, seria verificado por esta Justiça Eleitoral ao examinar os documentos que compunham o DRAP, abrindo-se a possibilidade de correção”, sentenciou.

Júnior de Beto obteve o maior número de votos: 9.506. Ele chegou a substituir na disputa o pai, o ex-prefeito José Bartolomeu de Almeida Melo, que estava inelegível. Altair Júnior ficou em segundo lugar.

O ato da diplomação serve para declarar, oficialmente, os eleitos e suplentes nas eleições. Todos os diplomas são assinados por um Juiz Eleitoral.

com informações do Portal PE10