Ceclin
dez 09, 2015 0 Comentário


Situação dos chafarizes das centenárias praças de Vitória expressam o interesse eleitoral da gestão

Até esta data (09 de dezembro) a situação da piscina da antiga praça do jacaré assim continua. Fotos: Pedro Silva / A Voz da Vitória.

Até esta data (09 de dezembro) a situação da piscina da antiga praça do jacaré assim continua. Fotos: Pedro Silva / A Voz da Vitória.

Os frequentadores das praças públicas da Vitória de Santo Antão, Zona da Mata, denunciam as más condições de conservação e abandono dos chafarizes existentes nestes espaços situados na Matriz, Leão Coroado, Restauração Pernambucana /  03 de Agosto.

Os leitores do Blog lamentam a situação. “A praça está desprezada, abandonada, uma pena”, afirmou um dos frequentadores da Praça do Livramento. Já o chafariz da Praça Leão Coroado, Centro de Vitória, anda servindo de depósito d’água para os nobres lavadores de carro.

Chafariz praça do Leão Coroado Foto Pedro Silva A Voz da VitóriaUma das atrações deste local, o chafariz da Leão Coroado ocupa um bom espaço da praça, porém não funciona desde que a milionária obra foi concluída há pelo menos dois anos. Antes, à noite, esta fonte detinha iluminação diferenciada. Os vitorienses também se preocupam com a proliferação do mosquito da Dengue, sobretudo no verão quando se estende.

Outro exemplo é a falta de manutenção da piscina da Praça da Restauração (antiga praça do jacaré) que recebeu nova pintura mês passado, conforme o estimado Cristiano Pilako chegou a mencionar em seu Blog. Pilako, inclusive, tem sido um atento vigilante desta Praça, denunciando os sucessivos descasos ao longo dos anos, num logradouro que custou aos cofres públicos durante o atual  mandato do Prefeito Elias Lira cerca de R$ 2 milhões. Confira o que o blogueiro publicou AQUI.

Por estas e outras, registramos a insatisfação de nossos leitores expressos nos conteúdos enviados para o WhatsApp do A Voz da Vitória (81) 9 9992-9364, os quais exigem que a Prefeitura cumpra com a devida limpeza destes espaços. Estas Praças foram inauguradas atendendo ao calendário eleitoral do atual gestor vitoriense, que as utilizou como propaganda antecipada para eleger seu filho, Joaquim Lira, a deputado na última eleição. O gesto se repetiu para outras obras, bem como para ordens de serviço expedidas e dezenas não cumpridas. Para que cuidar agora?! Não tem eleição.