Ceclin
abr 06, 2020 0 Comentário


SINTEPE: Medidas paliativas e segregadoras!

É bem verdade que vivemos tempos inimagináveis. A pandemia do novo Coronavírus que atinge toda a humanidade e se alastra por todo o planeta não tem vacina e nem remédio.

No nosso caso específico, escolas em atividade representam espaços propícios para a transmissão da Covid-19. Assim, é muito importante que sigamos as orientações das autoridades de Saúde e FIQUEMOS EM CASA!

Aqui em Pernambuco, a suspensão das aulas presenciais levou a Secretaria Estadual de Educação a publicar Portarias orientando aulas e envio de atividades pela internet. O Sintepe considerou as Portarias da Secretaria como paliativas, excludentes e segregadoras. Assim, é claro e evidente que não podemos ser favoráveis.

O fato é que o acesso desigual à plataformas digitais e internet adequada são obstáculos reais ao processo de ensino e de aprendizado explicitados nas Portarias, especialmente para estudantes de famílias com menos recursos financeiros, bem como para estudantes de áreas rurais com internet precária ou sem esse serviço. Ainda em Pernambuco, a Secretaria de Educação anunciou que utilizará a TV Pernambuco para oferecer aulas aos estudantes durante esse período de confinamento. Porém, a cobertura da TV Pernambuco não chega a 60% dos municípios do nosso Estado.

Em síntese, enfatizamos que as medidas contidas nas portarias ampliam desigualdades educacionais e sociais.Com relação aos dias letivos de 2020, ninguém, em nenhum lugar do mundo, sabe quando e como essa pandemia vai acabar. Fiquemos em Casa! Por enquanto é o que temos a fazer.

Enquanto tudo isso não passar, vamos nos apoiar mutuamente. Vamos nos estimular mutuamente. Sejamos seres humanos que somos e nos preocupemos uns com os outros e todos com todas. Pode até demorar, mas acreditemos, tudo isso vai passar!

O distanciamento social é, por enquanto, a única medida para reduzir a velocidade de propagação do vírus e, consequentemente, evitar o colapso nos sistemas de saúde. É por isso que estabelecimentos, escolas e universidades foram fechados e diversos eventos cancelados.

Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Pernambuco – SINTEPE