Ceclin
out 05, 2015 0 Comentário


SINDSEP/PE: Evasão fiscal corresponde a 5 orçamentos da Saúde

sindseppeNEM ECONÔMICA, NEM POLÍTICA.

A crise no Brasil passa, antes de tudo, pela desonestidade não só de políticos corruptos, mas também da classe dominante, uma elite hipócrita e igualmente corrupta, responsável pela evasão fiscal de R$ 500 bilhões. O valor coloca o Brasil atrás apenas dos Estados Unidos, numa lista de países que mais perdem dinheiro com esse tipo de prática ilícita. Desse montante, pelo menos 80% é fruto de manobras comerciais de grandes empresas, a maioria multinacionais.

Esse desvio financeiro corresponde a quase cinco vezes o orçamento federal para a Saúde em 2015 e é 18 vezes maior que o orçamento oficial da Copa do Mundo de 2014. Todo esse dinheiro sai do país sem pagar nenhum imposto. Diante dos dados, urgente se faz a necessidade de uma discussão sobre a taxação de grandes fortunas, como acontece na maioria dos países inclusive muitos deles na América do Sul, como Argentina, Uruguai e Colômbia.

A parir desses dados é compreensível – porém inaceitável – a grita das classes mais abastadas quando o assunto é a volta da CPMF. Com o imposto, será possível rastrear os dados sobre movimentação financeira e impedir a evasão da moeda brasileira para paraísos fiscais. A crítica à volta da CPMF vai além da insatisfação da criação de mais um imposto, em um País onde a carga tributária já é tão alta. Para a elite econômica, pagar 0,2% de CPMF talvez não seja o pior, e sim o rastreamento que será feito em toda sua transação bancária, coibindo a evasão fiscal.

Já está na hora de o Brasil dar início a um projeto de taxação progressiva das grandes fortunas. A vota da CPMF pode ser um paliativo para minimizar a crise econômica atual, mas, enquanto o País não implantar um projeto que de fato acabe com a evasão fiscal e taxa grandes fortunas, a população de baixa renda vai continuar pagando o pato pelos grandes sonegadores.

Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado de Pernambuco – Sindsep-PE

www.sindsep-pe.com.br