Ceclin
out 21, 2010 1 Comentário


Semana Nacional de Combate ao AVC acontece no Recife

Cidade terá ações gratuitas de alerta e prevenção contra a doença que vitima uma pessoa a cada seis segundos em todo o mundo
O dia 29 de outubro foi escolhido pela Organização Mundial de AVC (World Stroke Organization – WSO) para alertar a população sobre os perigos de se ter um Acidente Vascular Cerebral (AVC). A doença é a segunda principal causa de morte no mundo, sendo responsável por cerca de seis milhões de óbitos a cada ano. O AVC é responsável por mais mortes anualmente do que as atribuídas à AIDS, tuberculose e malária. No Brasil, o AVC é a primeira causa de morte e incapacidade, com um enorme impacto econômico e social. “É importante uma rápida procura ao serviço de emergência após o início dos sintomas para a instituição imediata de tratamento, de modo a diminuir as sequelas”, adverte o neurologista Eduardo Melo, do Hospital Esperança.
Durante a semana que antecede a data, empresas e instituições ligadas à saúde em todo o mundo promoverão ações preventivas que alertem as pessoas da gravidade deste mal que atinge uma em cada seis pessoas, independente de raça, gênero ou idade. O objetivo da campanha é colocar a luta contra o AVC como tema central da agenda global de saúde. Além disso, pretende reduzir o impacto da doença agindo em alguns desafios básicos: reconhecimento dos fatores de risco, estímulo à vida saudável e reconhecimento dos sinais de alerta de um AVC.
Em Pernambuco, um dos coordenadores da Semana Nacional de Combate ao AVC é o Hospital Esperança, havendo também ações que serão desenvolvidas em outros hospitais da rede pública e privada do estado. Segundo a coordenadora da Neurologia do Hospital Esperança, a neurologista Carolina Cunha, “essas ações são importantes para orientar a população sobre os fatores de risco e ao mesmo tempo incentivar a busca pelos serviços de saúde”.
A partir deste domingo (dia 24), e até o próximo dia 29, haverá programação na qual colaboradores dos hospitais locais trabalharão voluntariamente para alertar os pernambucanos sobre como evitar um Acidente Vascular Cerebral. Dentro da programação do evento estão palestras para profissionais da área de saúde (médicos, estudantes, enfermeiros, técnicos) e também para o público leigo, bem como ações de divulgação na mídia e distribuição de material educativo para a população. No último dia da campanha (sexta-feira, 29), um posto será montado no Parque da Jaqueira, zona norte do Recife. Na ocasião, dezenas de serviços serão prestados à população gratuitamente. Entre eles, exames e aferição de pressão.
AVC – O Acidente Vascular Cerebral (AVC) é uma doença caracterizada pela súbita perda de determinada função do cérebro, podendo acometer a força muscular, a sensibilidade, o equilíbrio, a visão e a fala, entre outras funções. O acidente é resultado de um distúrbio na circulação cerebral que leva a uma redução do oxigênio nas células cerebrais provocando a morte dessas células.
Os principais fatores que podem desencadear um AVC são: pressão alta, diabetes, colesterol alto, sedentarismo, fumo, alcoolismo, obesidade e arritmias cardíacas. De acordo com a Organização Mundial de Saúde, a cada seis segundos, independentemente da idade ou sexo, alguém em algum lugar no mundo morre de um Acidente Vascular Cerebral (AVC).