Ceclin
Maio 03, 2017 0 Comentário


Secretário da Prefeitura de Vitória pagará multa por agredir fisicamente jornalista

Livio em 2016

Vídeo mostra confusão no dia da eleição de 2016 envolvendo o ex-vereador de Glória

Gilmar SantosNa manhã desta quarta-feira (03/05), a Comarca Cívil de Glória do Goitá, na Mata Norte, realizou a primeira audiência do caso do ex-vereador Lívio Amorim (PTN), atual Secretário de Governo da Prefeitura de Vitória de Santo Antão, por agressão a jornalista.

O caso ocorreu quando Lívio Amorim, então candidato a vice-prefeito na chapa do ex-prefeito de Glória Zenilto Miranda (PTB), foi acusado de agredir o jornalista Gilmar Santos à socos, defronte ao maior colégio eleitoral de Glória, Escola Professor Barros Guimarães, no dia da eleição de 2016. O caso tomou repercussão à época nas redes sociais. Santos sofreu a agressão pelo ex-presidente da Câmara quando filmava um tumulto no local, contrariado, o acusado tomou o celular de Santos e este sofreu socos, tudo presenciado por testemunhas em via pública, conforme vídeo que foi anexado ao processo. ASSISTA AQUI

Durante a audiência preliminar na Justiça local, Gilmar Santos não aceitou o pedido de desculpas de Amorim. Segundo a sentença proferida, Amorim foi condenado a pagar R$ 937,00 de multa, além de que não terá mais direito a “Transação Penal durante os próximos cinco anos”, ou seja, não será mais primário caso cometa outro delito.

Com esta decisão, Gilmar Santos que é o atual assessor de comunicação da Prefeitura de Glória, adiantou ao Blog A Voz da Vitória de que irá ingressar com outra ação civil, desta vez por danos morais, contra o atual Secretário de Vitória.