• Ceclin
dez 05, 2015 0 Comentário


Secretaria Estadual de Educação promete resolver falta de vagas no Ensino Médio da cidade de Pombos

EDUCAÇÃO - A comitiva formada por Jairo Rubens, Sandro Cipriano - representante do SERTA, João Francisco (João de Ronda) - presidente do STRs, José Euclides (Zé de Furnas) - Diretor do SINTRAF Pombos, além dos Vereadores Daniel da Igreja, Aglailson da Carne e Beto da Ambulância. Foto: Divulgação

EDUCAÇÃO – A comitiva foi formada por Jairo Rubens, Sandro Cipriano – representante do SERTA, João Francisco (João de Ronda) – presidente do STR, José Euclides (Zé de Furnas) – Diretor do SINTRAF Pombos, além dos Vereadores Daniel da Igreja, Aglailson da Carne e Beto da Ambulância. Foto: Divulgação

Secretaria Estadual de Educação recebe comissão para tomar conhecimento dos resultados da Audiência Pública que tratou sobre o Ensino Médio em Pombos 

 

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) da cidade de Pombos, em parceria com a Câmara de Vereadores e outras entidades sociais, promoveram no início do último mês de novembro, audiência pública sobre a situação do Ensino Médio no Município. Na ocasião, o Presidente do Conselho – Jairo Rubens apresentou um relatório do ano de 2014, quando o órgão diagnosticou inúmeras violações aos direitos dos adolescentes dentro da única escola da rede estadual.

No documento, apontou-se a falta de condições da unidade escolar em suportar a modalidade Semi Integral por não ter salas suficientes, além de condições limitadas na sua infraestrutura física. Foi também denunciado o fato da escola não mais dispor da modalidade regular. Como Pombos só dispõe de uma Escola Estadual de nível médio, os estudantes que não se disponham estudar em horário integral, são obrigados a seguir a modalidade EJA ou ainda aguardar fora da sala de aula um ano ou mais a fim de completar seus 18 anos (idade exigida para ingressar no EJA).

Em 2015, segundo previsões do Censo Escolar, estão saindo daquela unidade 168 alunos e chegando cerca de 450, ou seja, mais do que o dobro, agravando ainda mais a situação desta modalidade no Município. “Ano passado tivemos pais de alunos quase que acampados defronte a escola. Este ano poderemos ter novamente, acredito que com maior gravidade”, analisou Jairo Rubens, presidente do Conselho da Criança.

Diante das dificuldades externadas pela maioria dos estudantes, pais e líderes comunitários presentes na audiência pública na Câmara de Pombos chegaram a nomear uma Comissão para tratar do assunto, quando na manhã dessa sexta-feira (04/12), a comitiva formada por Jairo Rubens, Sandro Cipriano – representante do SERTA, João Francisco (João de Ronda) – presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, José Euclides (Zé de Furnas) – Diretor do SINTRAF Pombos, além dos Vereadores Daniel da Igreja (PRB), Aglailson da Carne (PSL) e Beto da Ambulância (PTB), foram recebidos pelo Secretário Executivo de Educação Profissional do Governo do Estado – Paulo Dutra.

O representante do Governo tomou conhecimento do documento que retrata as reivindicações e também da Ata com a sistematização da audiência pública. As lideranças da sociedade civil presentes neste encontro em Recife destacaram a atenção dispensada pelo Governo de Pernambuco para com Pombos, uma vez que o Município recebe estudantes das cidades circunvizinhas, pelo qual há anos não recebe investimentos para este setor.  Sensibilizado com a causa, Paulo Dutra apontou alguns encaminhamentos e deu um prazo de oito dias para elaborar um plano de intervenção para a situação apresentada, uma vez que é de comum acordo a necessidade em Pombos, da construção de uma nova unidade da rede de ensino médio.