• Ceclin
jun 08, 2009 15 Comentários


São João cultural?!

De muita valia a proposta da Prefeitura da Vitória de Santo Antão em transformar o São João da cidade em um evento de cunho cultural com as raízes do Pé-de-Serra.
Há tempo, venho tocado na tecla que as raízes de nossa cultura devem estar sempre bem acesas. E o poder público, com seu papel coletivo, deve dar as devidas condições para a efetivação deste princípio.
No lançamento do São João, em Recife, a equipe mantida à frente do Secretário Paulo Roberto acertou em tudo. No local, compositores, intérpretes e representantes da imprensa e da sociedade vitoriense. (Aliás, Paulo Roberto é uma pessoa de forte dedicação aliada à grande sorte. Pois, sem nenhum exagero, tudo que coloca a mão parece dar certo).
Ao ver na mídia, algumas pessoas chegaram até a não entender a proposta de lançar o São João para a imprensa recifense. Mas para atrair gente de verdade, somente é possível com a ajuda da grande imprensa. E quem ganha com isso? O povão mesmo, que além de receber palhoções nos bairros, vão poder vender mais com a atração de pessoas de fora. Espero que este modelo seja seguido no próximo Carnaval, pois é a tendência, e não só está acontecendo aqui não.
Pela distância de Recife, acredito até que em pouco tempo Vitória de Santo Antão estará alinhada no mesmo roteiro de Gravatá e Caruaru nas festividades juninas.
É só esperar pra ver!

por Helder Sóstenes,
é Diretor do Correio do Interior e Colunista do Blog.