Ceclin
out 01, 2008 1 Comentário


Sadia mantém investimento

Publicado em 01.10.2008

Adriana Guarda

A Sadia garante que o prejuízo financeiro de R$ 760 milhões com operação no mercado de câmbio não vai atrapalhar o plano de investimento da empresa em Pernambuco. De acordo com a companhia, está mantida para o primeiro trimestre de 2009 a previsão de inauguração da fábrica que está sendo erguida no Município da Vitória de Santo Antão, com investimento de R$ 250 milhões. Este mês a indústria dá início ao processo de contratações, com a seleção de seus 50 primeiros funcionários da área operacional.
Em nota encaminhada à imprensa, a Sadia diz que prejuízo “limitou-se à operação financeira da companhia e não afetou em nada suas atividades industriais e comerciais, que continuam em expansão. O momento é favorável do ponto de vista operacional, a demanda continua aquecida, os preços no mercado externo já incorporaram os custos das commodities e as cotações de milho e soja perderam força em relação aos picos atingidos neste primeiro semestre do ano”.

A nota diz ainda que “a companhia ampliou as suas capacidades com a conclusão das obras das unidades de Toledo (PR), Várzea Grande (MT), Uberlândia (MG) e Brasília (DF). Esses projetos fazem parte dos investimentos de R$ 1,6 bilhão previstos para 2008, que estão mantidos e englobam ainda as obras das fábricas de Lucas de Rio Verde (MT) e de Vitória de Santo Antão (PE), a primeira da Sadia no Nordeste, região que vem apresentando altos índices de crescimento do consumo e de renda.”
Hoje, em Pernambuco, 800 pessoas estão sendo capacitadas na escola Saber Sadia, implantada em Vitória para treinar a mão-de-obra. A escola servirá de porta de entrada para os interessados em conquistar uma das 1,5 mil vagas que serão oferecidas pela empresa. Os cursos são distribuídos em dois módulos: um básico (com aulas de português, matemática, cidadania e outras) e um avançado (adaptado às atividades que cada futuro funcionário desempenhará na fábrica).
O secretário de Desenvolvimento Econômico, Fernando Bezerra Coelho, diz que recebeu recentemente a visita de diretores da Sadia e que eles estão prevendo a inauguração da fábrica de Vitória para janeiro do próximo ano. (Jornal do Commercio).