Ceclin
jan 21, 2009 1 Comentário


Sadia demite funcionários

São Paulo – Depois de perder cerca de R$ 760 milhões no terceiro semestre do ano passado com os impactos da crise econômica internacional, a Sadia começa ontem (20) a demitir funcionários. Segundo a assessoria de imprensa da empresa, 350 trabalhadores de setores administrativos serão dispensados, o que vai gerar uma economia de R$ 44 milhões por ano.

Ainda de acordo com a assessoria, as demissões não afetarão o volume de produção porque os cargos cortados são administrativos. A Sadia informou que a medida foi tomada para readequar custos e conferir agilidade aos processos da empresa.

Enquanto demite lá fora, aqui Sadia e Agricultura debatem ações na Mata-Sul

A Secretaria Estadual de Agricultura e Reforma Agrária (Sara) e a Sadia debatem, nesta quarta-feira (21), em Ribeirão, ações a fim de promover o desenvolvimento da Zona da Mata-Sul, tendo como foco principal o fortalecimento e desenvolvimento da suinocultura e avicultura da Agricultura Familiar na Região.


Participam do evento, representantes do Instituto Agronômico de Pernambuco (Ipa), ProMata, Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e o Sindicato dos Cultivadores de Cana do Estado.


Além de representantes dos municípios de Palmares, Ribeirão, Cortez, Gameleira, Joaquim Nabuco, Água Preta, Amaraji, entre outros.
De acordo com o Gerente Geral da Sara, Gutemberg Grangeiro, políticas públicas serão discutidas com o intuito de diversificar e fortalecer as culturas produtivas da Região. “Um dos objetivos é estimular a produção de agricultores familiares, que produzem suínos e aves, a fim de torná-los possíveis fornecedores da Sadia”, diz Grangeiro. Para ele, a possível parceria com a Sadia poderá fortalecer o pequeno produtor e desenvolver a suinocultura e avicultura na Região.
(Jornal do Commercio).