• Ceclin
ago 04, 2008 0 Comentário


Rapidinhas Esportivas

SPORT

De virada. Foi assim que o Atlético Mineiro conseguiu quebrar a seqüência de três vitórias do Leão no Campeonato Brasileiro. O placar de 2×1 foi desenhado durante um jogo bem disputado, com as duas equipes aproveitando as dimensões generosas do Mineirão para criar oportunidades de gol. Além da boa fase do Sport e da tentativa de recuperação dos mineiros na competição, o outro atrativo da partida era Carlinhos Bala, que completava 100 jogos com a camisa rubro-negra. Mas o atacante não estava muito inspirado, tendo uma participação discreta durante o jogo. Bala acabou sendo substituído por Enílton no final da segunda etapa.

O atacante Ciro foi bastante acionado nos últimos minutos. A jovem revelação se esforçou, mas não conseguiu furar o bloqueio do Atlético, que já estava bem posicionado na defesa. Com a derrota, o Leão caiu para o décimo lugar na tabela de classificação.

Atlético/MG

Edson; Mariano, Leandro Almeida, Nen e Calisto; Serginho, Rafael Miranda, Márcio Araújo (Gedeon) e Petkovic; Jael (Lenílson) e Marques (Raphael Aguiar)
Técnico: Marcelo Oliveira

Sport
Magrão; Luisinho Netto, Gabriel, Durval e Dutra; Daniel Paulista, Moacir (Sandro Goiano), Júnior Maranhão e Luciano Henrique (Ciro); Carlinhos Bala (Enílton) e Roger
Técnico: Nelsinho Batista

Local: Mineirão (Belo Horizonte)
Árbitro: Djalma José Beltrami (RJ/FIFA)
Assistentes: Wagner de Almeida Santos (RJ) e Marrubson Melo Freitas (DF)
Gols: Roger (aos 14 minutos do 1°T), Marques (aos 15 minutos do 1°T) e Gedeon (aos 32 minutos do 2°T)
Cartões amarelos: Jael

Público: 6.039 Renda: R$ 56.832,00

NAUTICO

Foi por pouco, porém, mais uma vez, o Náutico escapou de terminar a rodada do Brasileiro na zona de rebaixamento. Com a derrota para o Figueirense, sábado (02), nos Aflitos, o Timbu, que parou nos 18 pontos e agora aparece na 16ª colocação, corria o risco de ser ultrapassado na tabela de classificação por três equipes: Atlético/MG, Atlético/PR e Santos. Todos jogaram em casa ontem (03), mas apenas o Galo, que derrotou o Sport por 2×1, venceu, deixando a equipe alvirrubra para trás – agora soma 21 pontos. Já o Furacão e o Peixe perderam para Botafogo e Coritiba, respectivamente, permanecendo na área de descenso, ambos com 17 pontos.

Apesar de o time estar na beira da zona do rebaixamento, o técnico Pintado não quer nem ouvir falar no assunto. “Ainda é muito cedo para pensar no rebaixamento. Não tenha dúvida de que o Náutico irá reagir. Mas isso precisa acontecer para ontem. Não existe desculpa para dar. A responsabilidade de tirar o clube dessa situação é nossa”, disse o treinador, que ainda não venceu no comando alvirrubro. Em cinco partidas, empatou uma e perdeu quatro.


SANTA

Pelo segundo jogo consecutivo, a torcida do Santa Cruz não viu o seu time vencer dentro de casa. Ontem (03), diante do Salgueiro, o Santinha apenas empatou em 2×2, aumentando para três o número de jogos sem ganhar. Mas o resultado não foi dos piores. O Tricolor do Arruda perdia por 2×1 até aos 40 minutos do segundo tempo, quando o árbitro Cláudio Mercante marcou um pênalti inexistente, que originou o segundo gol tricolor. A chance do Mais querido voltar a ganhar é na próxima quarta-feira, diante do Campinense, em Campina Grande, às 20h30.
Quando o jogo se encaminhava para a vitória do Carcará, o árbitro Cláudio Mercante viu um pênalti de Alisson no atacante Edmundo. Após muita reclamação dos atletas sertanejos, o “Animal do Arruda” cobrou a penalidade em grande estilo. Goleiro de um lado, bola do outro. Antes do apito final houve tempo para mais um lance polêmico. Cléo caiu dentro da grande área, mas Mercante nada marcou, mandando o lance seguir.

Santa Cruz
Glédson; Rafael Mineiro, Sandro, Gonçalves e Camilo; Alexandre Oliveira, Gedeíl (Ribinha), Juninho e Rafael Oliveira (Cléo); Patrick (Bruno) e Edmundo
Técnico: Bagé

Salgueiro
Bruno; Rogério, Rodiney, Alisson e Oziel; Mazinho, Wendel, Rosivaldo (Ademir), Renato Frota (Murelândia) e Élvis; Marcelo Fumaça (Zé Paulo)
Técnico: Neco

Local: Arruda
Árbitro: Cláudio Mercante (PE)
Assistentes: Albert Júnior e Alcides Lira
Gols: Rafael Mineiro (aos nove min do 1º tempo), Renato Frota (aos 40 min do 1º tempo), Rosivaldo (aos quatro min do 2º tempo) e Edmundo (aos 42 min do 2º tempo)
Cartões Amarelos: Juninho, Cléo (SC), Alisson, Rodiney, Wendell, Rosivaldo e Élvis (S)
Público: 22.201 Renda: R$: 53.355,00

por Berg Araújo,
nas segundas e quintas-feira.