• Ceclin
abr 04, 2011 7 Comentários


Radialistas deverão reforçar chapa de vereadores para as eleições 2012

por Adriano Campelo


Na semana passada, um dos apresentadores dos programas da Rádio Cultural AM, do Grupo Josefa Alvares, J. Santos, passou uma hora antecipando seu guia eleitoral afirmando que será candidato a vereador a pedido do ex-prefeito da Vitória de Santo Antão, José Aglaílson (PSB).


Observando que a cada dia que passa o grupo político que dá sustentação a aliança com o ex-prefeito está enfraquecido, este busca alternativas perante aos seus radialistas, já que dias atrás o também Jota – nesse caso – o Domingos, falou que também foi intimado a aceitar o convite do atual presidente da Câmara de Vereadores.

Na manhã da sexta-feira (1º de abril), os apresentadores J. Santos e o J. Domingos tornaram pública, inclusive diante da TV Vitória (canal 58), de suas intimações para entrar na disputa à Casa Diogo de Braga, que de pronto, aceitaram o convite do ex-prefeito.


Será que tudo isso foi por que o atual gestor municipal falou abertamente que um dos seus preferidos a ocupar uma cadeira na Casa Diogo de Braga é o ex-vereador e também radialista da Rádio Vitória FM Gildo Alves?
O forrozeiro Gildo Alves, inclusive, já se encontra em pré campanha, haja vista observarmos diversos veículos circulando com adevisos em apoio ao forrozeiro.
Em busca de alternativas os grupos “Vermelho e Amarelo” que se degladiam na política vitoriense, talvez venha a ter que recorrer para fortalecer as suas chapas lançando se for preciso até o Babaorixá Pai Edu – que tirou o Clube Naútico da 3ª Divisão do Brasileiro de 1999.

A luta pelo poder é sempre visível! Contudo, é só isso que esses profissionais da “política” sabem fazer.
Quando é perguntado pelo povo sempre diz que possuem projetos para atender a todos, mas esses projetos certamente estão bem guardados. Será que dentre estes projetos deverá sair a finalização do Restaurante de R$ 1,00 (um Real) que o ex-prefeito afirma que o dinheiro está na Caixa Econômica Federal?

Será que a Feira da Sulanca, que hoje virou apenas mais um local de consumo de substâncias químicas, ou até as Policlínicas dos Bairros de Lídia Queiroz e do Maués também sairão do papel?

Os nobres radialistas que serão canditados a vereadores será que terão compromisso com o povo ou apenas com os seus padrinhos políticos?


por Adriano Campelo,
Correspondente do Blog.