Ceclin
jan 20, 2012 0 Comentário


PV não pode mais pedir o mandato de Daniel Coelho e sim o Ministério Público Eleitoral e o 1º suplente Roberto Leandro

Blog Inaldo Sampaio

Como já passou o prazo para o Partido Verde pedir na Justiça o mandato do deputado Daniel Coelho, por infidelidade partidária (ele trocou o PV pelo PSDB), só quem pode fazê-lo agora é o Ministério Púbico Eleitoral e o 1º suplente Roberto Leandro.

Foi o que disse nesta quinta-feira o procurador regional eleitoral, Antônio Edílio Magalhães Teixeira, ao sugerir que o “pólo ativo” da ação não seja o Partido Verde e sim o 1º suplente junto com o MPE.

Inicialmente, o PV decidiu ir à Justiça reclamar o mandato de Daniel por ter saído do partido para virar tucano.

Entretanto, após modificar sua Comissão Executiva Estadual, o PV desistiu da ação. O processo está sob a relatoria do desembargador eleitoral Virgínio Carneiro Leão, que também é o relator do processo do deputado Odacy Amorim (ex-PSB).