Ceclin
jun 06, 2017 0 Comentário


Sem surpresas, programação do São João 2017 de Vitória de Santo Antão é anunciada

A programação abriu espaço para a música sertaneja e agora, na edição 2013, é a vez de o brega ser escalado para animar o público do Chevrolet Hall, em Olinda. A banda Musa garante que vai se esforçar para defender o gênero e embalar corações apaixonados. Foto: Divulgação

A programação abriu espaço para a música sertaneja e brega. A banda Musa garante que vai se esforçar para defender o gênero e embalar corações apaixonados no Pátio de Eventos de Vitória. Foto: Divulgação

por Lissandro Nascimento

Sem maiores cerimônias e sem qualquer esforço midiático, apenas apelando para sua página oficial no Facebook, a Prefeitura da Vitória de Santo Antão, na Mata Sul pernambucana, anunciou sem alarde (se é que precisava!) a programação oficial dos festejos juninos 2017 no Município. Enxugando as atrações de palco em apenas três dias, as apresentações terão espaço entre os dias 23, 24 e 25 de junho no Pátio de Eventos Otoni Rodrigues, no final da Avenida Mariana Amália, no Centro da cidade, deixando de lado a comemoração do popular São Pedro.

Nesse primeiro semestre da gestão do prefeito Aglailson Júnior (PSB), sob a condução do Secretário de Cultura, Turismo e Esportes – Marcos Rocha, a prefeitura começa a dar sinais de que vai manter o “modus operandi” do que foi a “tampa e a panela” pelo qual a gestão passada praticava em promover o calendário festivo de Vitória, ou seja, valorizando tão somente as atrações de palco.

Os grupos políticos “amarelo” e “vermelho” acabaram com o São João de Vitória de Santo Antão!

Qualquer gestor sério e promotor de eventos consideram um grande equívoco construir uma festividade de forte cunho tradicional que é o nosso São João, a uma mera estrutura de palco, com artistas bisonhos ao tema (como percebemos também em outros lugares), perfazendo um investimento público que aniquila nossa cultura e nossas raízes nordestinas. Uma lástima!

Sem contar que parte destas contratações de palco viraram “um caixa 02” para gestores e políticos pilantras. Recursos têm. A prefeitura tá cheia de dinheiro. O discurso de Aglailson dizer que a administração municipal tá falida, esta mentira não mais se sustenta.

Sem querer entrar no mérito se a programação junina 2017 vitoriense tá melhor ou tá pior comparado as edições anteriores, o que aqui questiono é a essência da festividade junina que nossos gestores pormenorizaram a uma grade musical. Ainda dar tempo de mudar o conceito e  procurar ser diferente do que foi – senhores novos gestores – da Prefeitura de Vitória.

Confira a programação:

23 de Junho
• Forró Pegado
• Gabriel Diniz
• Anjo Azul
_________________________________________________________
24 de Junho
• Faringes da Paixão
• Musa
• Nando Mazany
_________________________________________________________
25 de Junho
• Galã do Brega
• Pedrinho Pegação
• Galeguinho de Gravatá.