Ceclin
ago 10, 2011 0 Comentário


Professores da Escada conquistam o Piso Nacional


por Aristides Félix Júnior
Professores de Escada comemoram aprovação do projeto que eleva a carga horária e implanta 1/3 de aulas-atividades

Toda vez que há uma vitória, devemos nos alegrar juntos. E quando a vitória é coletiva, devemos nos alegrar ainda mais. Sobretudo quando o resultado melhora a qualidade da educação… a sociedade deve comemorar muito.

Na terça-feira à noite, as professoras e professores da cidade de Escada, Mata Sul do Estado, conseguiram aprovar, por unanimidade, na Câmara de Vereadores, o Projeto de Lei 009/2011. Foi também a vitória do movimento sindical, não só em Escada, mas na Região.

Garantir que a Lei 11738/2008, a Lei que Instituiu o Piso Nacional dos Professores, saia do papel, precisa ser o compromisso da sociedade brasileira. Na prática a aprovação do Projeto de Lei 009/2011 significa dizer que os professores que até então estavam com seus salários baseados em 100 horas/aulas, passarão agora para 150 horas/aulas, ou seja, terão seus salários reajustados. Evidente que 1/3 (um terço) dessas horas, serão respeitadas como horas atividades (aulas brancas), para que os professores possam preparar melhor suas aulas e serem remunerados pelo esforço fora da sala de aula, somado para o benefício dos seus estudantes.

Evidente que ainda é muito pouco para o valor dos professores e do impacto positivo que essa profissão gera em todas as gerações. Mas avançar sempre, esse é o lema, superando a ausência de compromissos da grande maioria dos administradores. É um grande desafio, melhorar a qualidade dos legisladores e daqueles que executam as Leis. Mas é um ótimo desafio. E certamente conseguiremos.

Toda e qualquer profissão bem desempenhada, traz boas contribuições ao bem estar social. Sinto-me honrado, em ter contribuído como advogado com o êxito das professoras e professores de Escada, juntamente com Roseane, Rosa, Orlando, Pedro Jorge, e todos que contribuíram… são muitos.

Não podemos deixar de destacar o papel do Ministério Público em Escada, quando há compromisso, o resultado não pode ser diferente, o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), não foi fácil realizá-lo, e por sua conseqüência, chegamos a aprovação do Projeto de Lei 009/2011.

Agora, é comemorar e se preparar para a próxima luta, o Plano de Cargos e Salários e o Estatuto da categoria.

Parabéns a todos!

por Aristides J. F. Júnior,

Advogado sindicalista.