Ceclin
maio 19, 2022 0 Comentário


Primeira turma do curso de empreendedorismo feminino se forma em Vitória de Santo Antão

Em parceria com a Prefeitura da Vitória, curso capacita mulheres para empreender

Graças a uma parceria formada entre Instituto BRF, Grupo Mulheres do Brasil e a Prefeitura da Vitória de Santo Antão, a primeira turma do curso de empreendedorismo feminino foi encerrada na quarta-feira (18.05), na Escola Técnica Estadual José Joaquim da Silva Filho. Na ocasião, cerca de 50 mulheres foram capacitadas e encorajadas para administrarem seus empreendimentos e turbinarem as vendas com o advento das redes sociais. A ação foi promovida pelo Grupo Mulheres Empreendedoras, iniciativa da Junior Achievement, abreviada como JA Pernambuco.

A rede voluntária de capacitação profissional atua em diversos países e encontrou em Vitória a parceria da gestão municipal, além do fomento dos parceiros inicialmente mencionados para promover encontros semanais com as mulheres e debater conceitos de criatividade, planejamento, preparação profissional, opções de carreira, orçamento financeiro, gestão das redes sociais, entre outros.

Em sete grupos, elas apresentaram projetos em diversas áreas de atuação como resultado final da capacitação, podendo ser eles fictícios ou já existentes. Ana Karine, moradora do Loteamento Conceição II, foi uma das participantes. Dona de uma lanchonete, ela contou com a ajuda de colegas de curso para turbinar o negócio, criando panfletos, produzindo conteúdo para a rede social do estabelecimento e precificando corretamente seus produtos.

“Eu tinha vergonha de aparecer no Instagram, mas eu perdi um pouco do medo e agora estou sempre mostrando o que vendo. Aprendi que quem não é visto não é lembrado, como também estou aprendendo a valorizar os preços da lanchonete. Mesmo que meu estabelecimento seja numa comunidade simples, eu quero que meus clientes se sintam num shopping, falem bem nas ruas e sempre voltem”, salientou Karine.

Olga Lucena, representante da JA, falou sobre o objetivo geral da ação e foi otimista com o resultado final. “Buscamos aqui possibilitar o empoderamento destas mulheres, mostrar suas principais potencialidades no mercado de trabalho e de certa forma mudar a realidade delas com os aprendizados que pudemos repassar nesses dias de curso. Tenho certeza que sairão desse lugar com outra visão, sempre querendo inovar mais”.

A também representante da entidade e mentora no curso, Mirelle Figueirôa, ressaltou a parceria com a Prefeitura da Vitória. “A gestão se comprometeu com a causa, viabilizou essa grande oportunidade para essas mulheres, que agora saem capacitadas desse ciclo e vão se engrandecer profissionalmente lá fora, demonstrando o valor que elas têm. Outras ações desse porte ainda serão realizadas no município, dando a chance de outras pessoas conhecerem o seu potencial e mudarem de vida”, finalizou.