Ceclin
dez 16, 2020 0 Comentário


Primeira Prefeita eleita de Escada e vereadores são diplomados

Maria José Fidelis Moura Gouveia (PL), de 55 anos, é a primeira mulher eleita prefeita na história de Escada, na Mata Sul pernambucana, que vai assumir o governo ao lado do seu vice-prefeito Irmão Genival do Sindicato, atual presidente do Sindicato Rural de Escada, os quais em conjunto com os treze vereadores eleitos no último dia 15 de novembro foram diplomados durante cerimônia na manhã desta quarta-feira (16/12), no Cartório Eleitoral de Escada – Fórum Ezequiel de Barros.

A cerimônia foi restrita ao público em virtude dos efeitos da pandemia, porém foi transmitida pelas redes sociais. Mary Gouveia estava acompanhada do seu esposo, Jandelson Gouveia, ex-prefeito. Os diplomas foram entregues pelas mãos do Juiz Eleitoral da 19ª Zona, Cláudio Américo de Miranda Junior, aos chefes eleitos para o Poder Executivo, bem como os vereadores eleitos, a saber: Paulinho (PSDB), Josias (PTC), Bete do Alvorada (PSC), Gil Sat (PSC), Edite do Postinho (PL), Cátia da Farmácia (MDB), Karoly (PSB), Pedro Jorge (MDB), Massé de Frexeiras (MDB), Elias Ribeiro (PSB), Eduardo do Arretado (PL), Irmão Luciano (PMN), e Tia Jane (PMN).

Os eleitores de Escada consagraram a Mary Gouveia 13.112 votos nas urnas, equivalente a 35,99% dos votos válidos. Ela contou com os partidos PL, PMB, PSC, PSD, PTC e PP, os quais integraram sua coligação que saiu vitoriosa por pequena margem de diferença ao seu principal oponente. O palanque dela derrotou Klaus Lima (PSB) que obteve 12.820 votos (35,18%), candidato apoiado pelo atual prefeito Lucrécio Gomes. O pleito de 2020 em Escada ainda contou com os candidatos a prefeito Professor Jadson Caetano (Cidadania) com 5.574 votos (15,31%), bem como Irmão Lailton Nogueira (PSDB) que obteve 4.912 votos (13,49%).

Mary Gouveia conquistou o retorno do grupo político a Prefeitura de Escada que é liderado pelo seu esposo e ex-prefeito Jandelson, inelegível por oito anos acusado por desvio de verbas públicas enquanto esteve à frente do então governo. Mary exerceu um mandato tímido como deputada estadual entre os anos de 2010-2014. Em 2016, diante da inelegibilidade de Jandelson, ela concorreu ao cargo de prefeita pela primeira vez. Apesar do caos notório da gestão de Lucrécio Gomes (PSB), que buscava a reeleição, Mary não obteve êxito nas urnas e perdeu por uma diferença de apenas 200 votos que a separou de Lucrécio, que saiu-se vitorioso em 2016 com 17.240 votos contra 17.040 de Mary.

As urnas, por sua vez neste ano, fizeram o candidato apoiado pelo atual prefeito Lucrécio Gomes, a ficar em segundo lugar na disputa com o nome de Klaus Lima, que foi Secretário de Desenvolvimento Econômico de Escada e também coordenador da campanha eleitoral da primeira-dama, Edlene Gomes, para deputada estadual em 2018.

Do mais, os responsáveis pelo processo de transição entre o governo atual e o futuro governo da prefeita eleita Mary Gouveia estão visitando todos os órgãos da máquina pública do Município a fim de fazer um raios-X para poder melhor intervir nos futuros desafios da nova gestão que se aproxima.