• Ceclin
dez 30, 2009 1 Comentário


Presos vitorienses respeitam o indulto de Natal

Robson André


Dos 705 detentos do Sistema Prisional do Estado que tiveram autorização da Justiça para passar o período do Natal com suas famílias, 27 deles não retornaram às prisões. Ano passado, o número presidiários que foragiram após o indulto natalino chegou a 38. Ou seja, houve uma redução de 1,15% no número de evasões em relação ao mesmo período do ano passado.

Na Penitenciária Agroindustrial São João (PAISJ), em Itamaracá, a redução foi mais expressiva. Enquanto que no ano de 2008 foram contabilizadas 25 ausências de presos, na PAISJ, esse ano, o número chegou a 15 apenados. No Centro de Ressocialização do Agreste, a fuga de presos após a concessão do indulto caiu de 13 para 12 presidiários.

Já nas Colônias Penais Femininas do Recife, de Paratibe, em Paulista, e de Buíque, no Agreste do Estado, não houve registro de evasões de reeducandas após o Indulto de Natal. Esse fato também ocorreu nas unidades prisionais de Petrolina, Salgueiro e Vitória de Santo Antão, onde todos os presos retornaram para os seus respectivos presídios.

A Secretaria de Ressocialização (Seres) acredita a redução no número de evasões esse ano, se deve ao trabalho que vem sendo desenvolvido em parceria com a Secretaria de Defesa Social (SDS), Ministério Público e Poder Judiciário. (Folha de Pernambuco).