Ceclin
ago 10, 2020 0 Comentário


Prefeito ‘manda’ Câmara rebatizar nome da UPA de Vitória de Santo Antão

Por Lissandro Nascimento

Retomando devido a pandemia as sessões presenciais desde o último mês de julho, a Câmara de Vereadores da Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata pernambucana, apenas iniciou na sexta-feira, 07 de agosto, as deliberações de projetos de lei e Requerimentos. Dentre os apreciados pelos vereadores estava o Projeto de Lei (PL) nº 007/20, de autoria do prefeito Aglailson Júnior (PSB) para substituir o nome do prédio onde em breve estará funcionando a Unidade Pública de Atendimento Especializado (UPAE), instalada no Bairro de Campinas, área urbana de Vitória.

Com dez votos favoráveis e quatro contrários, o prédio da UPAE de Vitória agora se chama Antônio Manoel Cavalcanti Pessoa. O Prefeito de Vitória apresentou a proposta para homenagear o empresário vitoriense conhecido popularmente como Tãozinho do Posto São Paulo, falecido no último dia 20 de maio, acometido pela Covid-19. Entretanto, para assim o fazer, teve que derrubar uma Lei Municipal que já havia denominado o prédio como Monsenhor Renato da Cunha Cavalcanti, pároco da Matriz de Santo Antão que morreu aos 85 anos no dia 02 de maio de 2015, vítima de um câncer. A Lei que homenageava o Pe. Renato foi de autoria do vereador Toninho Nascimento (Cidadania).

A derrubada da Lei e a substituição pelo nome do empresário vitoriense em detrimento do nome do Padre, causou espanto na comunidade católica do Município. Sem entrar no mérito, ambas personalidades detêm valoroso legado em diferentes vertentes para o Município, todavia, acredita-se que seria mais adequado e justo homenagear o prédio da tão esperada UPA com um nome intrinsecamente ligado a área da Saúde em Vitória. Sugestões in memórian não faltariam!

A gestão de Aglailson Júnior havia anunciado no último mês de abril que iria utilizar o prédio que se encontra ocioso da futura e esperada UPA, para instalar um Serviço de Pronto Atendimento (SPA), o qual deveria prestar a primeira assistência aos vitorienses que apresentarem os sintomas iniciais da Covid-19. Contudo, passado a fase mais difícil da pandemia na cidade, a Prefeitura não chegou a utilizar o prédio para esse fim e decidiu montar a unidade para atender algumas especialidades médicas, pelo qual vem anunciando que fará a inauguração nas próximas semanas.

A UPA de Campinas deveria ter sido entregue em setembro de 2014, mas até o momento não funciona. A respeito da UPA, o governo do Estado agilizou no final do ano passado a conclusão das obras e dependia das últimas tratativas junto ao Ministério da Saúde.

Dr. Ubirajara Carneiro

Outro Projeto de Lei proposto pela Prefeitura de Vitória e aprovado pela unanimidade da Câmara foi o PL nº 008/20 que denominou a Clínica de Olhos da Vitória com o nome do advogado e professor Dr. Ubirajara Joaquim Carneiro da Cunha. A unidade de saúde irá funcionar no antigo prédio do SAMU, na Praça Duque de Caxias, Centro da cidade. Um dos fundadores da UNIVISA, Ubirajara Carneiro faleceu no último dia 15 de maio em conseqüência da Covid-19.