• Ceclin
dez 04, 2011 0 Comentário


Prefeito de Passira quer cassar vereadores

Blog Magno Martins

O prefeito de Passira, município do Agreste do Estado, Miguel Gomes de Freitas (PP), que já está no seu segundo mandato, a cada semana tenta criar um fato novo para tumultuar e antecipar as eleições no município. Primeiro foi o anúncio da possível candidatura a prefeito do município do deputado estadual Henrique Queiroz (PR), na tentativa de aglomerar apoios políticos e confundir os eleitores passirenses.

Agora, o prefeito entrou com uma ação judicial contra a migração dos dois principais vereadores da Casa para o recém-criado PSD, pedindo a cassação de Jamilson Pereira e Sandro Quirino, também conhecido como Nego da Oficina. Na ação entregue ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), o prefeito alega que os vereadores agiram “ardilosamente” para tentar fugir da lei.

No entanto, de acordo com o vereador Jamilson Pereira, ele e Sandro Quirino agiram de acordo com o entendimento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). “Consta em ata que participamos da fundação do partido em nosso município. Além disso, o TSE também entende que as filiações feitas dentro dos trinta dias após a aprovação de registro não caracteriza a infidelidade partidária, uma vez que se trata de um partido recém-criado”, declarou.