Ceclin
abr 02, 2011 0 Comentário


Portal de Gravatá investe em sustentabilidade

Publicado em 31.03.2011



Mona Lisa Dourado


Quando um hotel tem na natureza o maior atrativo, preservá-la passa a ser não só obrigação como requisito de sobrevivência. O Portal de Gravatá é um dos empreendimentos que estão colocando a lição em prática com a adoção de uma série de medidas voltadas à sustentabilidade. Aquecimento dos banheiros dos 88 apartamentos com energia solar, implantação de detectores de presença, tratamento de água, compostagem e reciclagem de lixo, além de substituição de lâmpadas e de condicionadores de ar são algumas das ações que fazem parte do Projeto Ecoportal.
Entre as principais metas, estão a redução de 20% o consumo de água e geração de 20% de economia na conta de luz. “Também queremos diminuir em 10% a sobra do bufê e em 30% o resíduo do cliente”, enumera um dos diretores, Waldyr Cavalcanti Júnior. Para atingir os objetivos, destaca, a parceria com os hóspedes é essencial. Por isso, os cuidados com o meio ambiente agora permeiam das peças de marketing às atividades de recreação do equipamento.
Um tour foi criado para envolver a criançada na proposta. O passeio começa pela escolinha na Vila do Portal, onde os monitores apresentam conceitos de sustentabilidade de maneira lúdica, e segue pela horta orgânica, minhocário e compostagem. No fim, os pequenos são convidados a visitar a matinha do Portal, um pedaço de Caatinga preservado.
Já os funcionários participam do programa tanto por meio das atividades de conscientização quanto da seleção e comercialização do lixo reciclável, como vidro, latas e garrafas PET.
Os próximos planos incluem a instalação de sistemas de captação, armazenamento e uso da água de chuva, que podem suprir o consumo de três meses do hotel. “A água da lavanderia é outra que será reaproveitada em pelo menos 70%. E o que é descartado nos chuveiros e lavatórios irá para as descargas”, planeja Waldyr.

COPA DO MUNDO

As ações ambientais integram uma estratégia maior, que abarca ainda a ampliação do Portal de Gravatá para atender à demanda que chegará com o Mundial de futebol. Até o início de 2012, R$ 8 milhões serão investidos na construção de 80 novos apartamentos, além de academia de ginástica e três novos auditórios de 200 lugares, com quatro salas de apoio cada. “Com o crescimento, teremos 25% dos leitos bloqueados para a operadora da Copa. Os demais serão disponibilizados para as agências”, diz um dos diretores do Portal, Eduardo Cavalcanti.
As adequações em função da Copa do Mundo contemplam também a capacitação da mão de obra, com cursos de inglês, espanhol e específicos da área de hotelaria, oferecidos em parceria com o Senac e programas governamentais como o Olá, Turista e Bem Receber Copa. E para que hóspedes do mundo inteiro possam escolher o Portal de Gravatá como destino, o hotel acaba de se cadastrar, com outros cinco empreendimentos da cidade, no serviço de busca Booking.com.

(Jornal do Commercio).