Ceclin
jan 19, 2011 0 Comentário


Pontes de Palmares devem ser reinauguradas ainda este mês

Devem ser inauguradas ainda este mês as duas pontes de Palmares, na Mata Sul pernambucana, que foram destruídas pela enchente do rio Una, em junho do ano passado. Quem dá o prazo é o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit). A construção começou um mês após a cheia e, atualmente, a obra está na fase de secagem do concreto.

Cada uma das pontes tem 160 metros de comprimento e, juntas, são a principal ligação da cidade com a rodovia BR-101, rota importante entre Pernambuco e Alagoas. Quando elas forem liberadas – ainda faltam as cabeceiras – o tráfego de veículos será totalmente normalizado na rodovia. Trezentos homens estão trabalhando no local para que o prazo seja cumprido.

“As pontes em Palmares serão entregues ao tráfego em 31 de janeiro, ou seja, daqui a 15 dias, e estarão totalmente liberadas”, garante o superintendente regional do Dnit, Divaldo de Arruda Câmara.

Atualmente, o trânsito ainda está fora de ordem, com muita poeira e buracos no centro de Palmares. O asfalto foi destruído por causa da circulação de carretas e caminhões pesados, porque uma lei municipal proíbe que veículos de carga com mais de 7 toneladas passem pela ponte antiga – não há garantias de que ela suporte tanto peso.

Muitos motoristas ignoram a determinação da Prefeitura, que tenta, com guardas municipais, orientar os motoristas na entrada de Palmares. Esses guardas, no entanto, não têm poder de aplicar multas.

“Muitas vezes, a Polícia Militar não está presente, e a Polícia Rodoviária Federal não pode entrar, pois é uma estrada municipal”, explica o prefeito, José Bartolomeu de Oliveira.

Ainda de acordo com o prefeito, a recuperação do asfalto no centro da cidade vai começar assim que as carretas e caminhões puderem seguir viagem pela BR-101. A recuperação do asfalto vai ser de responsabilidade do Dnit. “Vai ser recuperado quando estiver pronta pelo menos uma ponte na BR-101”, diz.
(Pe360graus)