Ceclin
dez 09, 2021 0 Comentário


Polícia prende envolvidos em fraude no concurso da Prefeitura de Gravatá

Três pessoas foram presas temporariamente após terem possível ligação com fraude de concurso público da Guarda Municipal de Gravatá, no Agreste pernambucano, realizado em dezembro de 2020 durante a gestão do ex-prefeito Joaquim Neto (PSDB).

As investigações começaram em janeiro deste ano, um mês depois das provas. A Polícia Civil identificou um grupo criminoso que repassava respostas aos candidatos através de pontos eletrônicos e rádios transmissores de longa distância.

Os mandados de prisão foram cumpridos em Recife, Olinda e São Lourenço da Mata. Estão envolvidos no esquema dois servidores do Estado e um Policial Penal, que atuavam em concursos realizados em vários estados do Brasil.

Ao todo foram apreendidas duas armas de fogo, munições, equipamentos eletrônicos, R$ 11,2 mil em espécie e documentos.

com informações do Blog do Cenário