Ceclin
ago 28, 2015 0 Comentário


Polícia aponta envolvimento de padrasto do jovem que matou a tia estrangulada em Vitória

Anderson Germano tentou macular a cena do crime simulando o suicídio de Silvânia. Fotos: WhatsApp do A Voz da Vitória – [81] 99992-9364

Anderson Germano tentou macular a cena do crime junto com o padrasto simulando o suicídio de Silvânia. Fotos: WhatsApp do A Voz da Vitória – [81] 99992-9364

Há um novo envolvido no caso do jovem que matou a tia em Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata. Trata-se do padrasto dele, Moacir Domingos Gonçalves, de 46 anos, preso por desacato e resistência a prisão, pelo Delegado da 17ª Delegacia de Homicídios de Vitória, Ariosto Esteves.

A Polícia Civil concluiu o inquérito do homicídio registrado no último dia 19 de agosto, quando a dona de casa Silvânia Germano da Silva, 33 anos, foi morta esganada na cozinha de sua casa, no Bairro Alto José Leal, pelo próprio sobrinho, Anderson Germano da Silva, 23, conhecido por “Branco”. Entenda o caso clicando AQUI.

Anderson confessou o crime depois que montou a cena da morte tentando levantar a tese de suicídio, porém não obteve êxito. Segundo o Delegado Ariosto Esteves, Moacir foi incluso no inquérito também acusado pelo crime, depois que Anderson soube que a vítima tinha em casa cerca de R$ 3 mil. Sabendo que o enteado furtaria o valor,  Moacir foi ajudá-lo, contudo, Silvânia reagiu a investida criminosa e entrou em luta corporal com o sobrinho, o que fez o padrasto dele colaborar na execução do assassinato e macular a cena deste crime.