Ceclin
dez 04, 2009 0 Comentário


PE realizará I Conferência Estadual de Ciência e Tecnologia

Luciana Santos, secretária de Ciência e Tecnologia


O governador Eduardo Campos anunciou a realização da I Conferência Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (CETCI) da história de Pernambuco. O evento será promovido pelo Governo do Estado e acontecerá nos dias 10 e 11 de março do próximo ano. A notícia foi dada durante a abertura da reunião do Fórum Nacional do Conselho de Secretários Estaduais para Assuntos de Ciência e Tecnologia e Inovação, no Palácio do Campo das Princesas na manhã desta sexta-feira (04/12).


A CETCI vai servir de preparação para a Conferência Nacional de Ciência e Tecnologia que será realizada em Brasília, em maio de 2010. O encontro estadual pretende discutir os temas como uma política de Estado, e como essa área pode atender, de forma direta, a sociedade.
“Nós já tivemos ao longo desses três anos de governo um olhar especial para a Ciência e a Tecnologia, investindo mais recursos. Pela primeira vez, o Estado não contigenciou orçamento para essas áreas, o que nos proporcionou expandir a nossa capacidade de financiar pesquisas não só na Região Metropolitana, mas também no interior do Estado”, lembrou o Governador.

Desde 2007, quando assumiu o Governo, Eduardo ampliou o orçamento da Facepe (Fundação de Amparo à Ciência de Pernambuco) todos os anos. Já no primeiro ano, o valor pulou de R$ 2,8 milhões para R$ 10 milhões, depois foi a R$ 20 milhões, a R$ 30 milhões em 2009, e vai chegar a R$ 40 milhões em 2010. “A nossa Facepe vai receber, em 4 anos, R$ 100 milhões. É um salto de quase dez vezes do orçamento que ela tinha, para preparar o ambiente do crescimento econômico que nós estamos vivendo”, afirmou Eduardo Campos.

Ex-ministro da Ciência e Tecnologia do Governo Lula, Eduardo ressaltou que o grande desafio das conferências é fazer com que a produção científica deixe o campo acadêmico para mudar a realidade das pessoas: “Vamos debater a questão da matriz energética brasileira, a sustentabilidade econômica e como fazer uma escola de qualidade, com recursos tecnológicos a serviço de um melhor aprendizado”.

A Secretária de Ciência e Tecnologia, Luciana Santos ressaltou que o Estado possui tradição na área não só pelo tempo, mas pela excelência com que vem produzindo resultados e produtos. Durante a Conferência serão analisados os resultados dos investimentos do Governo do Estado na atual gestão, além de encaminhar sugestões para a ampliação de uma política de Ciência e Tecnologia para os próximos 15 anos.

“Nós somos referência no Brasil todo e no mundo pela nossa produção de tecnologia da informação. Agora nós vamos nessa conferência ter a possibilidade de discutir grandes enfoques temáticos reunindo o que há de melhor em Pernambuco”, destacou a secretária.

Fonte: Site do Governo Do Estado