Ceclin
abr 09, 2010 1 Comentário


Parque de Gravatá poder ser incluído no PRODETUR

ROCHELLI DANTAS

A Prefeitura de Gravatá estuda a instalação de um parque no centro da cidade. Além de um espaço para recreação, o projeto prevê a criação de uma área para exercícios, bicicletário, academia da cidade, exposições de artesanato e biblioteca.

De acordo com o prefeito do município, Ozano Brito, o terreno onde o equipamento deve ser instalado possui quatro hectares e a cessão de área já foi aprovada pelo Governo do Estado. A construção do parque tem um investimento estimado em R$ 4 milhões.
“A nossa intenção é que este projeto seja incluído no Prodetur (Programa de Desenvolvimento do Turismo). Por este motivo, estamos participando de reuniões e aguardando a aprovação junto à Secretaria de Turismo do Estado”, afirmou Brito. Segundo ele, a construção do parque terá uma duração média de oito meses. “Este é um projeto que não possui muita área para ser construída, por isso as obras são mais rápidas”, explicou.
INVESTIMENTO
O turismo de Gravatá está sendo uma das prioridades da gestão. Para incrementar o número de visitantes na região, a prefeitura está investindo em festas como, por exemplo, a Semana Santa e o São João.
“A Semana Santa gerou uma movimentação financeira de R$ 4 milhões. No São João, queremos aumentar esta marca e, para isso, estamos elaborando uma programação para todos os gostos”, destacou Brito. A previsão é de que, este ano, sejam investidos R$ 1,5 milhão na festa junina. “Nossa expectativa é de que 300 mil pessoas visitem a cidade”, disse.
(Folha de Pernambuco).