Ceclin
nov 13, 2012 0 Comentário


Pacientes com catarata de Chã Grande e Pombos são atendidos em Gravatá

Cerca de 100 cirurgias estão marcadas para esta semana pela Fundação Altino Ventura. Pacientes de Chã Grande e Pombos também são atendidos em Gravatá.

A Fundação Altino Ventura (FAV) volta à Gravatá nesta semana para realizar cirurgias de catarata nos pacientes que passaram pela triagem, através do cadastro na Secretaria de Saúde e recente visita realizada pela equipe da fundação. Desde ontem (12) até a próxima sexta-feira (16), cerca de cem cirurgias serão realizadas. Além dos pacientes de Gravatá, a equipe também está atendendo pacientes das cidades de Pombos e Chã Grande.

As cirurgias acontecem na Unidade Móvel de Cirurgia Ocular, que está estacionado em frente ao Hospital Dr. Paulo da Veiga Pessoa, onde os pacientes são recepcionados, atendidos pelos enfermeiros antes e depois das cirurgias, e também passam por exames de biometria e microscopia, além de uma consulta pré-operatória com a Dra. Lilian Bastos, residente em Oftalmologia. “Realizamos esta consulta para verificar se o paciente está apto para a cirurgia, pois há alguns casos que a cirurgia é mais crítica e não podemos fazer na unidade móvel, então encaminhamos para a clínica em Recife. A cirurgia de catarata é rápida, mas exige todo o repouso e cuidado para o paciente não fazer esforço e não ter problemas durante a recuperação”, disse a Dra. Bastos.

Em média são realizadas vinte cirurgias por dia, podendo passar deste número, de acordo com a demanda. As cirurgias foram programadas por dia de acordo com os pacientes das cidades que estão sendo atendidas, ficando o calendário para: Gravatá de 12 à 14/11, Chã Grande no dia 15/11 e na sexta-feira (16), os pacientes da cidade de Pombos.

Em 2011, mais de 150 cirurgias foram realizadas em Gravatá, através da parceria entre a Fundação Altino Ventura e Prefeitura de Gravatá. Ao todo, mais de 300 pessoas foram beneficiadas com as cirurgias de catarata.