Ceclin
jan 27, 2017 0 Comentário


Operação desarticula quadrilha suspeita de explodir bancos

policia civil PEA Polícia Civil de Pernambuco deflagrou, na manhã desta sexta-feira (27), uma ação para desarticular uma quadrilha acusada de participar de explosões em agências bancárias. A ‘Operação Sem Divisas’, a primeira de 2017, prevê o cumprimento de 45 mandados, sendo 16 de prisão temporária, três de condução coercitiva, além de 26 de busca e apreensão. O grupo também é apontado como responsável por roubo qualificado e tentativas de homicídio.

Dos mandados de prisão decretados, três serão cumpridos contra alvos que atualmente estão no sistema penitenciário. As ordens foram expedidas pelo Juiz da Comarca de Macaparana, na Zona da Mata Norte de Pernambuco.

As investigações tiveram início há aproximadamente nove meses e foram efetuadas pela Delegacia de Policia de Roubos e Furtos, do Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri). Participam da ‘Sem divisas’ 200 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães. A ação conta com apoio de 45 policiais da Paraíba.

As investigações tiveram início há aproximadamente 09 (nove) meses e foram efetuadas pela DPRF – Delegacia de Policia de Roubos e Furtos – Depatri, sob a presidência do Delegado Paulo Berenguer, apoiada pelo Núcleo de Inteligência do Depatri, bem como, suporte operacional do CIIDS, DINTEL e NI Agreste.

com informações da Assessoria