• Ceclin
jan 27, 2010 0 Comentário


Notas do Enem vão ser divulgadas amanhã

Se a Covest, responsável pelo vestibular da UFPE, também receber o resultado amanhã, listão dos aprovados sai até quinta da próxima semana. Em Pernambuco, 208 mil pessoas fizeram o exame

As tão esperadas notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) serão divulgadas amanhã pelo Ministério da Educação, para alívio de aproximadamente 2,6 milhões de estudantes que participaram da avaliação, realizada em dezembro do ano passado. Em Pernambuco, estavam inscritos 208 mil pessoas.
Se a Comissão do Vestibular (Covest), responsável pela seleção da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), receber as notas também amanhã, o listão dos aprovados no vestibular deve ser liberado até quinta-feira da próxima semana.
Cada candidato terá cinco notas no Enem, referente às cinco provas do exame – matemática, linguagem, ciências humanas, ciências da natureza e redação. Para saber seu desempenho, o estudante deverá acessar o portal do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão do MEC que cuida da avaliação (www.inep.gov.br). Lá, terá que digitar uma senha (cadastrada no momento da inscrição) para observar quantos pontos fez em cada teste.
“Nossa previsão é divulgar o listão do vestibular uma semana depois de termos recebidos as notas do Enem. Só estamos esperando isso, pois as provas da segunda fase estão corrigidas”, ressaltou a presidente da Covest, Lícia Maia. Na disputa na UFPE estão 6.517 vagas em 89 cursos. Quase 40 mil pessoas estão concorrendo.
Sobre cada nota do Enem, a Covest aplicará o peso definido para cada disciplina. Apenas a nota da redação não será aproveitada porque a UFPE preferiu que os candidatos fizessem a dissertação na segunda etapa do vestibular, que também aconteceu em dezembro.
UNIFICAÇÃO

As vagas das Universidades Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e Federal do Vale do São Francisco (Univasf) estarão reunidas, em uma plataforma online, com as vagas de outras instituições que adotaram o Enem como única forma de ingresso.
O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) deve disponibilizar 48 mil vagas em 23 universidades federais e 26 institutos federais de educação.
A previsão do MEC é colocar o Sisu no ar até sexta-feira. Com a nota, o vestibulando poderá concorrer a qualquer uma dessas vagas. Basta se inscrever no portal, indicando o curso que pretende estudar.
As vagas deverão ficar disponíveis por seis dias. Encerrado esse período, começam as matrículas.
Uma segunda fase começará em seguida, com as vagas que sobraram da primeira etapa. “É importante que os estudantes saibam onde pretendem estudar, pois quando o sistema entrar no ar já poderão se inscrever”, observou a pró-reitora acadêmica da Rural, Maria José de Sena.
(Jornal do Commercio).