• Ceclin
fev 15, 2019 0 Comentário


Nosso corpo se renova totalmente a cada 7 anos

Imagem: Reprodução / Google

Imagem: Reprodução / Google

O corpo humano é uma máquina incrível que se regenera conforme a necessidade

Seria ótimo o seu corpo se regenerar e se reconstituir de danos e ficar novinho em folha, porém não é bem assim que funciona o nosso corpo. Então, não. O nosso corpo não se renova a cada 7 anos, infelizmente. Mas o corpo humano é uma máquina incrível que se regenera conforme a necessidade, mesmo que não seja uma renovação completa.

Muito provável que você não se lembre de onde ouviu isso, mas na realidade é um mito, até mesmo porque sete anos não é nem uma média aproximada da expectativa de vida das nossas células. Para entender melhor a respeito do assunto, é necessário compreender como é o funcionamento das células e como isso afeta a regeneração de algumas partes do nosso corpo.

 

A célula

A célula

Antes de mais nada, é importante entender como surgem as células, para depois assimilar com que frequências elas se substituem. O nosso corpo é capaz de criar novas células de duas formas. A primeira delas é a mais básica, que é através da mitose, processo onde as células existentes se dividem. Durante a mitose, a célula mãe se divide em duas, e as novas células são chamadas de filhas, e são cópias das células originais.

A outra maneira que as células são criadas é através de células-tronco, essas que são células especiais presentes em todo o corpo, mesmo que em menor quantidade. Elas também são capazes de se multiplicar pela mitose, mas também criando novas células “especializadas”, que incluem células sanguíneas e células nervosas, essas últimas não conseguem fazer cópias de si mesmas.

Como um método para controlar o crescimento de novas células, é necessário que as células antigas morram. Um exemplo disso são os espaços entre os dedos das mãos e dos pés que são possíveis devido à morte celular quando se nasce. Essa morte celular é necessária para evitar o crescimento de membranas.

A vida útil de cada célula 

Como cada célula é uma, com diferentes funções é normal que a vida útil de cada célula não seja a mesma. As células que revestem o interior do estômago mesmo, podem se renovar a cada dois dias, devido ao contato frequente com o ácido digestivo. Já as células que compõem a pele são renovas a cada duas ou três semanas.

Os glóbulos vermelhos, por exemplo, sobrevivem por cerca de quatro meses, enquanto os glóbulos brancos, principais agentes no combate à infecções, podem durar alguns dias, às vezes pouco mais de uma semana.

Porém, nem todas elas têm uma vida útil tão limitada, as células de gordura duram bastante tempo, em média 10 anos. Os ossos também se regeneram a cada 10 anos. Mas não se engane, 10 anos nesse caso não é muito tempo. Outras partes do corpo humano não se regeneram com o tempo, e são tão antigas quanto você. Como é o caso das células celebrais que não se regeneram com o tempo. O esmalte dentário também nunca é substituído, assim como as lentes dos olhos.

No entanto, o corpo humano é composto por várias células diferentes, cada uma com suas funções e tempo de vida. Mesmo com todas essas renovações celulares, você não se torna um novo você, mas elas trabalham para fazer o melhor possível.

neuronios

Fatos Desconhecidos