• Ceclin
dez 31, 2016 0 Comentário


Neste sábado (31), senador Humberto Costa foi vítima de agressão em livraria do Recife

HUMBERTO-COSTA-748x410O Senador Humberto Costa (PT-PE) registrou um boletim de ocorrência para que a Polícia Civil de Pernambuco investigue uma confusão ocorrida entre ele e outro homem dentro de uma livraria localizada no Bairro do Recife, na área central da capital, na tarde deste sábado (31). Por volta das 16h30, o político chegou à Central de Flagrantes, no bairro de Campo Grande, de onde saiu, em seguida, para ir ao Instituto de Medicina Legal (IML) do Recife para fazer exame de corpo e delito.

“Ele relatou que houve uma confusão após uma discussão sobre política, então foi registrado um boletim de ocorrência. Depois foi encaminhado para fazer o exame traumatológico, pois a camisa dele estava rasgada e ele estava com um arranhão na testa”, explicou ao G1 pelo telefone a delegada Claudia Valadares. “O próximo passo será solicitar as imagens das câmeras de segurança da livraria”, complementou.

Por meio de nota, o senador explicou que o desentendimento com outro cliente da livraria teve início no momento em que fazia uma consulta por livros a um dos funcionários do estabelecimento. “Sem qualquer motivo, fui atacado por uma pessoa completamente descompensada. Primeiro, verbalmente, tratado por vários impropérios. Não satisfeito, o agressor partiu para o ataque físico, o que foi testemunhado por vários clientes da Livraria”, narra no texto.

Um vídeo recebido pelo WhatsApp da Globo Nordeste mostra o momento em que dois homens se desentendem e chegam à agressão física no chão da livraria. Segundo a assessoria do senador, Humberto Costa é aquele que está usando uma camisa na cor laranja. Ainda de acordo com o relato na nota, Costa afirma ter agido em defesa própria: “Não tive outra coisa a fazer a não ser me defender e defender a minha integridade física. Estamos requerendo as imagens feitas pelo serviço de câmeras da livraria”.