• Ceclin
jan 05, 2011 0 Comentário


Nada de vida fácil na estreia

Chegou o dia de os meninos do Porto e da Acadêmica Vitória entrarem em campo pela Copa São Paulo de Futebol Junior. O Gavião do Agreste, que está no Grupo B da competição, terá pela frente a equipe do Sumaré/SP, às 13h (horário do Recife).
Já os taboquitos terão de encarar, às 15h (também do Recife), a forte equipe da Portuguesa/SP, pelo Grupo X. Os lusos são os atuais campeões paulistas de futebol, na categoria. Enquanto o Sumaré terá toda a torcida a seu favor, já que é a representante da cidade-sede. Ou seja, nada de vida fácil nas estreias dos pernambucanos.

Mesmo assim, a tranquilidade parece imperar na delegação da equipe de Vitória de Santo Antão. Pelo menos é o que garante o técnico do Tricolor das Tabocas, Ailton Silva. “Os meninos estão bem, e devem fazer um bom jogo. Lógico que existe a tensão de uma estreia. Mas quando eles entrarem em campo, tudo deve passar”, disse o comandante.

Para a partida contra o Sumaré, o treinador já teve a primeira baixa. O goleiro Eliomar teve um problema físico durante os treinamentos e não poderá vestir a camisa 1. Na vaga, entra o garoto Hélio. O resto do time está definido no 4-4-2. O miolo da zaga vai a campo com os beques Marcelo e Yuri.

Completam a linha de quatro da defesa, os laterais Junior (na direita) e Alisson (na esquer­da). No meio de campo, entram os cabeças de área Glauber e Marquinho e os meias Índio e Lelo. Kênio e Grafite são os responsáveis por balançar as redes adversárias, no ataque.

No Porto, o fato de jogar contra a torcida parece não intimidar a equipe comandada pelo técnico Severino Bezerra.
“O clima da cidade é muito tranquilo e hospitaleiro. Não tivemos nenhum problema até agora, e acreditamos não ter na hora do jogo”.

(Folha de Pernambuco)