• Ceclin
nov 20, 2014 0 Comentário


Museu que guarda a memória histórica de Vitória completa 64 anos

Para marcar os 64 anos dedicados em preservar a memória histórica da tricentenária Vitória de Santo Antão, o Instituto Histórico e Geográfico da Vitória (IHGV), na Zona da Mata, comemorou o seu aniversário de fundação nessa quarta-feira (dia 19/11), com a presença dos sócios, convidados e representante do Poder Executivo local.

Entre as várias celebrações da noite contou-se com o depoimento do Advogado Aluísio de Melo Xavier, filho de Eunice Xavier – presidenta de honra do IHGV, pelo qual proferiu sua intervenção acerca da forte ligação que o Instituto detém no cotidiano das últimas gerações. As homenagens alusivas à data se estenderam aos nobres vitorienses José Viana Varela que se fez representar pelo seu filho – Nielson Varela, bem como Nelson José Souza e o Eulâmpio Valois da Rocha, este último mais conhecido na cidade por Seu Rochinha, farmacêutico renomado que tem uma histórica atuação entre as famílias vitorienses.

Houve ainda a aposição da foto no Museu do Professor Plínio Antônio da Silva, que se radicou vitoriense e tem seu exemplo de vida guardado na família da escritora Luzinete Freitas. Ademais, houve a posse da Diretoria recém eleita do Instituto para o biênio 2014/2016, composta pelo Prof. Pedro Humberto Ferrer de Moraes que foi reconduzido para uma nova gestão, junto com a Professora Fátima Alves dos Santos e Dr. Claudemir Coelho, além da posse da Professora Sueli Ramos Feitosa como sócia efetiva. No final, como não poderia deixar de ser, um bolo festivo foi servido aos presentes ao som da Orquestra Ciclone.

Um ponto incomum da noite foi a crítica de alguns depoimentos quando se fez alusão de que “Vitória é a cidade do já teve“. Nos seus quase 400 anos de existência, Vitória de Santo Antão já teve um Aeródromo, já teve palcos de decisões políticas nacionais, festas populares renomadas, pólos de comércio importadores, dentre outros nichos, contudo, hoje, o Município carece de uma espinha dorsal estratégica que retome postos que já perdera.

O IHGV comemorou mais um aniversário de fundação. Fotos: A Voz da Vitória/Imagem