Ceclin
out 10, 2011 0 Comentário


Mudanças simples podem ser eficazes na prevenção do câncer

Mudanças simples no estilo de vida, que não precisam da atuação do sistema público de saúde, podem ser eficazes para a prevenção do câncer no Brasil, disse o presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Oncológica (SBCO), José Humberto Simões Correa.

“Com pequenas mudanças educacionais, você consegue diminuir a mortalidade de câncer em torno de 30% a 40%”, disse Correa à Agência Brasil. O controle do peso, os exercícios físicos três vezes por semana, uma dieta pobre em gordura e rica em frutas e fibras, além do não tabagismo e do controle da ingestão de bebidas alcoólicas são as medidas mais importantes de prevenção do câncer, lembrou o especialista. “Isso já é um grande ganho na diminuição da incidência de câncer”.

No próximo dia 13, a SBCO promoverá, no Centro de Convenções Sul América, no Rio, o 10º Congresso Brasileiro de Cirurgia Oncológica, cujo foco principal é o tratamento do paciente com câncer no aspecto da terapêutica cirúrgica. “O que tem de mais avançado em cirurgia do câncer”, completou.

Simões Correa lamentou que embora o Instituto Nacional do Câncer (Inca), do Ministério da Saúde, tenha um programa de formação de centros de câncer no País, há um problema de fixar profissionais nesses centros. “Como fixar um profissional que é formado, tem cinco ou seis anos de pós-graduação, em uma região que não tem grandes atrativos socioculturais?”, indagou. A questão será discutida no congresso.