Ceclin
out 23, 2014 0 Comentário


Mostra Canavial leva cinema à Mata Norte

(Foto: Divulgação).

Folha PE

Entre os dias 5 e 23 de novembro, oito municípios da Mata Norte recebem filmes com o tema “Direitos Humanos”

Pelo quarto ano consecutivo, a Mostra Canavial vem para trazer novo gás ao cenário audiovisual da Mata Norte. Entre os dias 5 e 23 de novembro, oito municípios da região irão receber a seleção de filmes que, nesta edição, atende ao tema “Direitos Humanos”. Ao todo, quinze títulos nacionais serão exibidos durante duas sessões para cada cidade. Este ano, a mostra itinerante também cresceu e oferece seis oficinas formativas para capacitar a população a produzir seus próprios filmes.

“Títulos como ‘Paraíso dos Homens’ e ‘O que se memora’ (ambos produções da Mata Norte) demonstram uma necessidade da região de falar por si só”, explica Caio Dornelas, idealizador do evento e um dos diretores do último curta, juntamente com Ernesto Rodrigues. O festival será o primeiro lugar a exibir os dois filmes, reafirmando a proposta inicial do projeto, que começou em 2011, buscando articular e fortalecer o mercado da área. “O cinema pernambucano ainda está muito concentrado na região metropolitana. A cena do interior deve vir para somar e tornar esse cinema ainda mais de ponta e conceitual”, defende Caio.

Esta também será a primeira vez que a Mostra conta com um longa-metragem na programação, sendo ele “Brasil S/A”, de Marcelo Pedroso. Apesar da ficção ser de 2014, a curadoria do festival, realizada pelo jornalista Rodrigo Almeida, priorizou títulos que dialogassem com as comunidades à produções mais recentes. Porém, mesmo filmes mais antigos, como “Menino Aranha”, de Mariana Lacerda, que é de 2008, ainda são inéditos para as possíveis plateias da Mostra, que não têm acesso ao cinema com frequência durante o resto do ano. Para acessar a programação completa e se inscrever nas oficinas que serão realizadas no período, os interessados devem visitar a página oficial do evento (www.mostracanavial.com.br).