Ceclin
Maio 21, 2018 0 Comentário


Moreno realizou sua Conferência Municipal de Educação

O Plano Municipal de Educação dá o norte para os próximos dez anos em diversos pontos. Foto: Divulgação

O Plano Municipal de Educação dá o norte para os próximos dez anos em diversos pontos. Foto: Divulgação

A Prefeitura do Moreno realizou na noite da sexta-feira (18.05), a abertura da V Conferência Municipal de Educação. O evento aconteceu no Sesi, no Centro da cidade. Com o tema “Plano Municipal de Educação: Perspectivas e Realidades, a Conferência foi aberta com a participação de grupos culturais das Escolas Baltazar Moreno e Noemi Guerra.

O secretário de Educação do Moreno, Francisco Amorim, explicou que o Plano Municipal de Educação precisa ser atualizado a cada dois anos. Segundo o secretário, a Conferência serve para avaliar e propor metas e estratégias para alcançar os indicadores desejados. “A Secretaria de Educação criou duas comissões, uma técnica e uma coordenadora e trouxe uma versão do plano. Essa versão propõe um enxugamento nos pontos do documento com foco no ensino fundamental, educação infantil e educação de jovens e adultos”, disse o secretário.

O Plano Municipal de Educação dá o norte para os próximos dez anos em diversos pontos. Combate a evasão escolar, ao analfabetismo e a distorção idade/série; aprovação, universalização da educação infantil e implantação de escolas em tempo integral são alguns dos pontos de destaque. “Precisamos a cada ano buscar cumprir essas metas e indicadores”, explicou o secretário de Educação do Moreno.

A presidente do Conselho Municipal de Educação, Maria Clara Caeté, destacou a importância da Conferência. “Através da participação de integrantes da sociedade civil, estudantes, professores e conselhos de outras áreas, vamos elaborar um conjunto de ações que visam melhorar a qualidade do ensino em nosso município”, disse Maria Clara.

O prefeito Vavá Rufino (PTB) lembrou que Moreno tem um grande desafio na educação. Ele disse que a realização da Conferência vai permitir a definição de metas e estratégias que vão ajudar a transformar os indicadores da educação. “Precisamos unir forças para superar as dificuldades. O Governo Municipal intensifica a cada dia o trabalho nesse sentido. Através da construção de novas unidades para atender comunidades que hoje não são atendidas, na capacitação dos professores e outras ações, acreditamos que podemos mudar a realidade atual”, disse o prefeito.

A solenidade de abertura do evento contou também com a palestra da professora Shirley Malta, gerente de Políticas Educacionais do Ensino Fundamental da Secretaria de Educação de Pernambuco. “Os municípios precisam monitorar os pontos que estão definidos nos seus planos, cada um deles se adequando à sua realidade”, disse Shirley. Além de integrantes do Governo Municipal, professores, dirigentes escolares e representantes de sindicatos, estiveram presentes na solenidade de abertura da Conferência, o deputado federal Betinho Gomes (PSDB) e os vereadores Cidicley Silva (Cidi) e Jó da Maternidade. A Conferência teve continuidade no sábado (19.05), na Escola Sofrônio Portela com palestras, debates e grupos de trabalho.

Nova escola

Durante a abertura da V Conferência Municipal de Educação, o prefeito Vavá Rufino assinou a autorização para licitação de construção uma escola na Vila Miguel Arraes. A construção da escola vai atender cerca de 500 famílias que moram no local. “Hoje os alunos de nossa comunidade precisam se deslocar para escolas do Centro e dos Altos da Maternidade e Santo Antonio. A construção da escola na Vila Miguel Arraes será uma grande conquista da comunidade”, comemora Renato Alves, presidente da Associação de Moradores do bairro.

Cidade de Deus

O distrito de Bonança recebeu na quinta-feira (17.05) a sexta edição do programa Prefeitura nas Comunidades, com diversas ações, apresentação da escola 5 de Julho e do grupo de capoeira Guerreiros de Luanda. O programa acontece a cada quinze dias e essa é a primeira edição da Prefeitura nas Comunidades em Bonança. A comunidade da Cidade de Deus recebeu durante todo o dia as ações da gestão. A escola 5 de Julho se apresentou em alusão ao 18 de maio, dia do combate ao abuso e a exploração sexual. Os alunos se apresentaram com um musical e faixas.