Ceclin
fev 13, 2011 2 Comentários


Moradores do município de Pombos, na Mata Sul, estão há 15 dias sem água

5,6 mil casas e estabelecimentos comerciais estão sofrendo com a falta do abastecimento

Da Redação do pe360graus.com
Moradores do município de Pombos, na Mata Sul de Pernambuco, sofrem com a falta de um serviço básico: o abastecimento de água. Há 15 dias, não sai nada das torneiras da cidade.
“Estoura um cano e passa três ou quatro dias jogando água para todo lado e lá em casa faltando”, reclamou o aposentado, José Pedro da Silva Filho. Os moradores não se conformam com a situação. “Já pensou você chegar do trabalho e não ter água para tomar banho? Isso não existe”, falou indignado outro morador.
As poucas casas em que a água não está faltando são as que têm caixas de água para o armazenamento. “Tem bem pouco. Logo vai faltar aqui também. Faz 15 dias que a água não chega”, afirmou a faxineira Odete Torres.

A água que abastece as 5,6 mil casas e estabelecimentos comerciais de Pombos vem da barragem Banho da Negra (foto), que fica no município vizinho, Amaraji. De acordo com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), toda a rede de abastecimento foi trocada por uma nova e houve mudança também na forma de distribuição.
Agora, a cidade está dividida em três setores, a partir de um sistema de rodízio. Os setores 1 e 2, que correspondem à área central da cidade, são dois dias com água e quatro sem. Já no setor 3, parte alta de Pombos, o número de dias sem água é igual, quatro, mas há um dia a mais de abastecimento para compensar o tempo que a água leva para chegar no local.
Com estas alterações, o gerente regional da Companhia, Hermes Costa (foto), diz que em breve tudo estará normalizado. “O sistema é novo e por isso tem nuances que ainda não conhecemos. É uma questão de equilíbrio do sistema. A tendência é que os estouramentos diminuam e assim a população volte a ter água normalmente”, prometeu. A equipe do NETV vai voltar a cidade no dia 28 de fevereiro para conferir.