Ceclin
out 08, 2010 0 Comentário


Ministério do Trabalho repassa R$ 160 milhões às vítimas das chuvas no Nordeste



O Ministério do Trabalho repassou R$ 160 milhões às vítimas nordestinas das chuvas de junho. Mais de 70 mil moradores de Alagoas e Pernambuco foram beneficiados com os recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), parcelas extras do seguro desemprego e a antecipação do abono salarial.

Entre os saques do FGTS, foram pagos R$ 34,4 milhões a 30.946 moradores de 19 cidades de Alagoas atingidas pela calamidade. Em Pernambuco, 42.124 moradores de 28 municípios sacaram R$ 65,9 milhões das contas vinculadas.

Também foram pagos R$ 2,7 milhões em parcelas extras do seguro desemprego a cidadãos que moravam nas áreas devastadas. Outra medida adotada pelo governo federal foi a antecipação do abono salarial a 115.699 trabalhadores dos dois estados que receberam R$ 59 milhões.

Segundo a legislação, o saque do FGTS é garantido à população em casos de calamidade pública ou situação de emergência. Para ajudar a população das cidades alagoanas e pernambucanas, o Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat), publicou no Diário Oficial da União, em 8 de julho, a prorrogação do pagamento do seguro desemprego. No mesmo sentido, foi anunciada a antecipação do calendário de recebimento do abono salarial, no valor de um salário mínimo.
(Agência Brasil)