Ceclin
jun 22, 2008 0 Comentário


Ministério da Justiça oferece cursos a distância

Estão abertas até o dia 30 as inscrições para o terceiro ciclo de cursos gratuitos de educação a distância (EAD), promovidos pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), do Ministério da Justiça. As aulas terão início em 21 de julho, com término em 8 de setembro, e duração de 40 ou 60 horas.
Os cursos são para policiais federais, rodoviários federais, civis e militares, bombeiros, agentes penitenciários e guardas municipais. Os profissionais com renda inferior a R$ 1,4 mil também poderão solicitar a inclusão no projeto Bolsa-Formação – do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci) – e receber complemento salarial de até R$ 400.
Para este novo ciclo de aulas, a Senasp oferece 30 cursos, sendo três inéditos: investigação criminal, ocorrências com produtos perigosos e representação facial humana. A expectativa é que mais de 100 mil profissionais participem – o primeiro ciclo de 2008 teve a participação de mais de 60 mil pessoas e o segundo ciclo, de 87 mil.
Segundo a Senasp, a procura pelo EAD aumentou consideravelmente após o lançamento do Bolsa-Formação (em março).
Para participar do projeto e receber o incentivo financeiro, que varia de R$ 180 a R$ 400, os profissionais precisam participar de cursos de capacitação da Rede de Altos Estudos em Segurança Pública (Renaesp), do Ministério da Justiça.
A rede inclui os cursos da EAD, de especialização oferecidos por instituições de ensino superior parceiras do ministério ou os promovidos pelas academias de polícia e secretarias de segurança pública dos estados.
Todas as aulas são realizadas via internet: . Quem não têm acesso à web pode procurar os telecentros mais próximos instalados nos Estados. Mesmo a distância, os alunos contam com a ajuda de tutores que tiram dúvidas, interagem com a turma, estipulam tarefas e avaliam os trabalhos produzidos. Informações e inscrições no site www.mj.gov.br/ead.
(Jornal do Commercio).