Ceclin
nov 09, 2017 0 Comentário


Minha Casa Minha Vida destinará 254 unidades para Chã Grande e Gravatá

Conjunto Residencial São Sebastião

Situado em Chã Grande, o Conjunto Residencial São Sebastião receberá 60 unidades habitacionais. Foto: Divulgação

O ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB), anunciou na última segunda-feira (6/11) que o município de Chã Grande será contemplado com 60 novas unidades habitacionais, dentro da modalidade do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), na Faixa 1 do Programa Minha Casa, Minha Vida (PMCMV). As novas residências farão parte do Conjunto Residencial São Sebastião. Com isso, 240 pessoas serão beneficiadas com as novas moradias no Município.

O Estado de Pernambuco receberá 2.687 unidades habitacionais referentes à segunda fase de contratações deste ano, sob um investimento de R$ 207,42 milhões. A essas novas unidades somam-se outras 2.697 unidades anunciadas em junho, totalizando 5.384 mil novas residências do PMCMV em Pernambuco este ano. Os investimentos alcançam a marca total de R$ 400 milhões.

As novas contratações fazem parte do segundo lote de lançamento de unidades habitacionais no País por meio do FAR este ano. Com isso, Pernambuco será o terceiro Estado que mais receberá residências do programa em 2017. Será também o Estado mais contemplado da região Nordeste. As 5,4 mil contratações no Estado irão gerar em torno de 10 mil empregos diretos, com potencial para aquecer todo o setor de construção pernambucana, com geração de emprego e renda.

GRAVATÁ – O Município de Gravatá, no Agreste de PE, será contemplado com 194 novas unidades habitacionais, dentro da modalidade do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), na Faixa 1 do Programa Minha Casa, Minha Vida (PMCMV). As novas residências farão parte do Conjunto Residencial Riacho do Mel Etapa 03. Com isso, 776 moradores serão beneficiados com as novas moradias na cidade.