Ceclin
mar 06, 2012 6 Comentários


Mesa Redonda faz balanço do carnaval vitoriense

por Rafael Peixoto

O Mesa Redonda desta sexta-feira (02), fez a avaliação do Carnaval 2012 da Vitória de Santo Antão, com a participação de Paulo Roberto Arruda – Secretário de Cultura, Turismo e Esportes da Prefeitura da Vitória, bem como o Comandante da Guarda Municipal – Coronel Paulo Carneiro, Paulo Oliveira – Presidente da ACTV. Esperava-se a participação também da ABTV, porém nenhum representante compareceu, onde foram debatidos os pontos positivos e negativos das festividades de Momo na Terra das Tabocas.

Para todos os convidados do Programa, o Carnaval vitoriense teve um bom índice de aprovação, sobretudo por parte dos foliões, através de uma pesquisa divulgada, alcançando uma média de 8,5. Para o Secretário de Cultura, essa evolução do Carnaval vitoriense deve-se a própria população que brincou na paz e descontração. A diminuição da violência é um dos pontos positivos principais nesta edição, segundo dados da Polícia Militar que registrou apenas quatro ocorrências em todos os dias da folia na cidade.

Outro ponto apontado pelo Secretário e reforçado pelo presidente da ACTV foi o número de turistas que vêm aumentando a cada ano no Carnaval da cidade, cerca de 23% de presença dos turistas. Aguardada com ansiedade nesta edição foi o novo trajeto no circuito da folia se agradaria aos foliões, contudo, depois da passagem das Troças pela Praça da Matriz enquanto os Trios elétricos seguiam pela Praça do Fórum, a maioria da população acabou aprovando o novo circuito.

A interação entre as demais Secretarias da Prefeitura foi um ponto forte, segundo o Coronel Paulo Carneiro, possibilitando que a cada ano possa melhorar. “Superamos falhas de anos anteriores, assim podendo fazer o melhor carnaval dos últimos anos, fazendo um carnaval multicultural e seguro”, avaliou. Reforçando o apoio do Estado em manter Vitória como um dos polos da folia em Pernambuco, Paulo Roberto atestou que “além de cada ano ganhar mais apoio do Governo do Estado, tornando este ano a cidade da acessibilidade do Carnaval pernambucano, certamente tratou-se de uma grande parceria com bons resultados para a cidade”, ressaltou o Secretário.

Pilako da ABTV

Respondendo as críticas fomentadas pelo presidente da Associação de Blocos de Trios da Vitória, Cristiano Pilako, através do seu Blog, este teceu comentários acerca da estrutura operacional montada, que segundo ele, falhou, penalizando por sua vez o Secretário Paulo Roberto. “O senhor Cristiano Pilako da ABTV fica colocando em blogs casos inexistentes supostamente ocorridos na festa. Ele deveria nas reuniões promovidas através do TAC expor as falhas e propor as soluções, ao invés de jogar equívocos para a platéia”, respondeu.

Paulo Roberto assegurou, conforme atestam as pesquisas, que o povo e os turistas aprovaram o Carnaval. “Todos os meios de comunicação e os principais atores do carnaval vitoriense aprovaram e atestaram o sucesso da organização do carnaval da Vitória de Santo Antão, ao contrário de Pilako que aposta no pior e leva essa discussão para o lado pessoal quando tenta erroneamente atingir a minha pessoa”, acusou. Afirmou que o Carnaval de Vitória foi um evento vitorioso e lamentou que alguns meios de comunicação pratiquem a execração pessoal. “Eu queria que Pilako dissesse aqui quais foram os fracassos do Carnaval e os meus fracassos como pessoa. Quero saber do presidente se ele queria que eu tirasse os ambulantes e os gasoseiros do corredor da Folia? Ninguém e nem a Prefeitura está aqui para fazer isso. Fizemos o que foi preciso fazer: organizar, cadastrar, orientar e disciplinar estes comerciantes. Pois eles são merecedores também para ter a chance de ganhar o seu sustento”, revidou.

“Se ele não concordou com a parte operacional do carnaval deveria vir na instância apropriada e dizer. Estive na sede da ABTV e conversamos com os seus diretores sobre a festividade. Se utiliza de um blog pra querer aparecer, no mínimo ele deveria ser correto e agir corretamente com suas atitudes. Ele se qualifica muito por colocar um Bloco na rua (Saudade). Você colocou um Bloco, agora faça o Carnaval! Ele arrume a solução e faça! Agora o que eu não entendo é esse trauma pessoal de Pilako”, vaticinou.

O Secretário alertou que o presidente da ABTV assinou com todos os envolvidos o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) e concordou plenamente com tudo que foi decidido para o Carnaval da cidade. “Na minha frente ele diz que tá bom e precisa ser melhorado em alguns pontos, agora quando chega no blog dele diz que o carnaval não prestou e de que eu fracassei. Que ciumeira é essa? Não admito ataques pessoais que rotulem a prepotência e a arrogância , pois eu não procuro agir desta forma. Se eu errar, eu erro porque estou querendo fazer! Se eu erro é pela vontade de tentar, querendo realizar! Agora, tem gente que nem realiza, aí nunca vai errar”, sentenciou.