• Ceclin
jun 13, 2008 3 Comentários


Mesa Redonda abre debate com Prefeituráveis

Conversa com os Prefeituráveis: Henrique Queiroz foi o nosso primeiro convidado.
Iniciamos nesta sexta-feira (13) a entrevista com os possíveis candidatos a Prefeitura Municipal da Vitória de Sto. Antão. No primeiro momento tivemos a participação do deputado estadual Henrique Queiroz (PR) que tem se colocado na disputa para as Eleições 2008. “Conversa com os pré-candidatos a Prefeito da Vitória” é o mote da nossa Mesa Redonda nas próximas sextas-feira, no Programa A VOZ DA VITÓRIA pela Rádio Tabocas FM (98.5). Vamos convidar para as próximas o Dep. Elias Lira (DEM), o prefeito Demétrius Lisboa (PSB), e Cristiano Pilako (PTB).
Muito bem à vontade, o Dep. Henrique Queiroz destacou sua atuação como parlamentar com oito mandatos na Assembléia Legislativa de PE e quando perguntado sobre o segredo de tantos mandatos ininterruptos afirmou: “Gratidão do povo de Pernambuco”. Salientou os investimentos que chegam ao Estado, através das iniciativas fomentadas pelo governo Eduardo Campos, frisando que a cidade deverá centrar suas ações administrativas para o momento “pós-Sadia”. “Como acontece hoje com outras micro-regiões do Estado que já se preparam para atender os impactos do desenvolvimento”.
Com a participação de inúmeros ouvintes ao vivo, por telefone, percebia-se a grande inquietação popular pela indefinição de um nome que deverá concorrer contra a chapa Demetrius/Bione. O parlamentar deixou claro que coloca seu nome como opção, porém entende que “a depender do que as pesquisas tem mostrado a união política entre mim, Elias e Paulo Roberto poderá ser o diferencial na decisão desse jogo eleitoral”. Falando das ações que possivelmente poderia desenvolver se eleito fosse, foi colocado se Vitória depende mais da vontade política ou de gerenciamento administrativo. “Vontade todos dizem ter. Porém Vitória carece de gestor. Não há um gerenciamento que atenda ao desenvolvimento local”. Provocando: “Passa-se oito anos e as coisas que se eram para fazer, não foram feitas. Como é que agora nas vésperas da eleição se quer fazer tudo ao mesmo tempo?”, questionou Henrique Queiroz.
Questionado se dentro deste gerenciamento se enquadrava o desordenamento urbano, tendo em vista que em décadas passadas o ex-prefeito Ivo Queiroz (irmão dele já falecido) contribuiu para o desordenamento de vários bairros vitorienses, ele foi incisivo: “Hoje está muito pior. Ivo na época procurou irradiar o crescimento da cidade por vários ângulos, apesar de não ter garantido um correto ordenamento. Porém hoje não se vê esta preocupação devido a ausência de que não há um gestor público”.
Os ouvintes garantiram a interação deste debate. Foram abordados vários assuntos da municipalidade. Inclusive contou-se com a participação por telefone de Paulo Roberto (PSDB) que semanas antes retirou sua pré-candidatura. Com um debate de alto nível, Henrique Queiroz procurou demonstrar profundo conhecimento da máquina pública e dos problemas do Município. “Vamos a nossa Convenção do dia 22 de junho”, colocando que ainda esta semana teremos novidades do quadro político partidário local.
Apresentação: Lissandro Nascimento.
Produção: Jáder Siqueira.
Equipe: Luciano Santos e Fernando.