Ceclin
nov 20, 2011 1 Comentário


Meninas do Vitória são derrotadas pelo Foz na primeira decisão

Mesmo com o apoio de sua torcida, o Vitória não conseguiu vencer a equipe do Foz Cataratas (PR), no Estádio Severino Cândido Carneiro pela Copa do Brasil de futebol feminino edição 2011. 

Foram mais de 5.500 torcedores que incentivaram o time desde o início da partida. O time das Tabocas estava dominando as ações e chegou a colocar uma bola na trave, em uma cobrança de falta da meia-atacante Bia.

Porém o “balde de água fria” veio instantes depois. Em uma cochilada da defesa do tricolor das Tabocas, a equipe do Foz Cataratas abriu o placar ainda aos 37 do 1° tempo, com um gol marcado pela atacante Daiane Moretti, que aproveitou o cruzamento da jogadora Nenê e deixou o placar desfavorável para Pernambuco, fazendo 1 x 0 para o time de Foz do Iguaçu.

As donas da casa sentiram o efeito do gol e começaram a cair de rendimento, deixando mais espaço para a equipe adversária. O tricolor das Tabocas insistia em pressionar, mas sem muito êxito, pois, não conseguia finalizar as jogadas de ataque.

Já no segundo tempo, o Vitória voltou mais ativo na partida, chegando em velocidade com a jogadora Bia, que junto com Thaísinha, deu muito trabalho ao sistema defensivo do Foz, que no entanto, estava exagerando na marcação, cometendo algumas faltas.

Em uma dessas faltas, Bia conseguiu colocar outra bola na trave, que levantou a torcida presente no Estádio Carneirão.

Após várias sucessões de jogadas do time do Vitória, o Foz Cataratas começou a cadenciar o jogo, tocando mais a bola no meio de campo, chutando e levando perigo a meta da goleira Thaís Picarte.

Foi com essa insistência que o Foz chegou ao seu segundo gol. Em uma jogada confusa, aos 45 do 2° tempo a jogadora Daiane Moretti, artilheira do time na competição, fez 2 x0 para o Foz.

O técnico do Vitória, Kleiton Lima ainda fez algumas modificações na tentativa de deixar o time mais ofensivo. Já o técnico adversário sabendo da velocidade do ataque do tricolor, não titubeou e com o resultado nas mãos, decidiu não partir para cima, e fechou seu esquema tático. Placar final no Carneirão, Foz Cataratas/PR 2 x 0 Vitória.

O último jogo da final será dia 26 de novembro em Foz do Iguaçu, e um simples empate deixa o time da casa com o título da competição, e pode até perder por um gol de diferença. Placar do primeiro jogo leva a decisão para os pênaltis.

A equipe do Vitória tem que vencer por três gols de diferença para ficar definitivamente com a taça.