Ceclin
out 04, 2018 0 Comentário


Meninas de 15 anos são raptadas e passam por momentos de tortura em Palmares

meninas abusadas em Palmares

Duas adolescentes de 15 anos passaram por momentos de terror nas mãos de três homens durante um sequestro relâmpago, em Palmares, na Mata Sul do Estado. Na manhã dessa quarta-feira (03/10), as meninas foram raptadas em local público e chegaram a ser torturadas pelos indivíduos.

As vítimas compareceram à Delegacia Seccional de Palmares junto com os responsáveis. Segundo elas, ambas seguiam para a escola pela manhã, por volta das 07h, quando perto da Praça Santo Amaro foram abordadas por três indivíduos encapuzados, que, sob ameaças de morte, obrigaram as meninas a entrarem no veículo.

– “A gente estava indo pro colégio quando eles se aproximaram no carro preto e pediram pra gente parar, mas a gente não queria. Aí um deles disse que se a gente não parasse e entrasse no carro eles iam nos matar. Aí a gente entrou, assustada”, disse uma das adolescentes, que terão as identidades preservadas.

O carro seguiu até um prédio abandonado próximo ao Pátio da Sulanca. Enquanto um dos criminosos ficava de tocaia, os outros dois retiraram as meninas de dentro do veículo e passaram a torturá-las com cacos de vidro, com cortes em várias partes do corpo. Apesar dos apelos desesperados para que parassem, a tortura durou ainda alguns minutos. Após a agressão, os homens fugiram no carro abandonando as vítimas no local. Elas então entraram em contato com os parentes e seguiram para a Delegacia, para o registro do boletim de ocorrência. O caso está a cargo da Polícia Civil.

Tentativa de homicídio

Uma mulher foi vítima de uma tentativa de homicídio na noite da segunda-feira (1°) em Palmares, na Zona da Mata Sul. De acordo com a polícia, Andreza Carla da Silva, 21 anos, foi alvejada a tiros por um suspeito próximo a sua residência, no bairro de Nilton Carneiro. Segundo informações, a jovem foi vítima de dois tiros, sendo um na perna esquerda e outro no pescoço. Ainda não se sabe quem foi o autor dos disparos, mas, o que se sabe até o momento, é que a mulher seria usuária de drogas.

 Nova +