Ceclin
out 06, 2015 0 Comentário


Manoel Teixeira é o novo Prefeito de Glória do Goitá

posse Gloria GoitaA Câmara de Vereadores de Glória do Goitá empossou no cargo de Chefe do Executivo o vice–prefeito Manoel Teixeira (PSC), conhecido por “Neco de Chiquinho”, na noite dessa segunda-feira (05). O presidente da Câmara de Vereadores Lívio Amorim (PR), leu o Termo de Afastamento do ex-prefeito Zenilto Miranda (PTB) no plenário da Casa Legislativa e presidiu a solenidade de posse de Neco de Chiquinho.

Mais de 2 mil pessoas participaram do ato em apoio ao novo gestor que foi aplaudido e carregado nos braços pelo povo até a Prefeitura. O vice assume após o afastamento do prefeito Zenilto Miranda, do PTB, que está sendo investigado pela Polícia Federal pelo crime de lavagem de dinheiro na Operação Carona, que investiga prefeituras do interior do Estado por prática de cartel e fraudes em licitações do transporte escolar.

A Polícia Federal teve acesso a essas provas através do “Operação Carona”, deflagrada em conjunto com a Controladoria Geral da União. A operação foi realizada para reprimir crimes de fraudes na contratação de empresas prestadoras de transporte escolar utilizando para isso verbas públicas, em especial do programa nacional de apoio ao transporte escolar do ministério da educação.

O foco da operação são as empresas A.R. Resendis e A.G. Serviços que teriam recebido de forma fraudulenta nos últimos quatro anos, valores acima de R$ 50 milhões. Além de Glória do Goitá as prefeituras de Limoeiro e Passira, no Agreste do Estado também estão investigadas. Ainda de acordo com o novo prefeito, uma auditoria será feita nas contas da Prefeitura e a prioridade será efetuar os pagamentos dos salários atrasados dos cerca de 900 servidores do Município.

Por voltas das 17h. da última  segunda- feira (05) houve muito tumulto na Sede da Prefeitura, pois um vereador e pessoas ligadas ao ex-prefeito Zenilto Miranda estavam retirando caixas de documentos do Executivo e levando para uma casa na mesma rua da instituição. A Polícia Militar foi acionada e oito viaturas ficaram em frente à Prefeitura para resguardar a ordem pública. De acordo com o major Renato Aragão, Comandante do 21º BPM, ninguém foi preso.

Texto: Gilmar da Rádio Goitacaz FM